Programa de pré-incubação de ideias de SC chega ao Distrito Federal

20 de Abril de 2021

O Cocreation Lab foi idealizado pelo professor de design Luiz Salomão Ribas Gomez, da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).

Em Santa Catarina, a iniciativa tem apoio de parceiros como o Sebrae, universidades, entidades empresariais, Governo do Estado e prefeituras. No estado, há espaços em 20 cidades, e mais de 500 projetos em fase de ideação no País. Por meio de editais, qualquer pessoa pode inscrever sua ideia e, sendo selecionada, participa gratuitamente de mentorias com profissionais do mercado, palestras, seminários, networking e atividades diversas que visam desenvolver uma ideia e amadurecê-la para o mercado. Também possui mais de 200 mentores, dentre eles os que formam o time principal e mentores especializados no campo de atuação da ideia pré-incubada, sendo eles professores, empresários, donos de startups e profissionais consolidados no mercado. Cada projeto recebe um mentor individual de acordo com o campo de atuação e necessidade para o desenvolvimento da ideia. Tudo é feito por meio da metodologia TXM, um modelo híbrido que une encontros presenciais e plataforma digital.

Expansão
No DF, dois polos de Cocreation Lab estarão localizados na UnB: um no PCTEC/UNB localizado no campus Darcy Ribeiro e outro no campus FGA. Os outros dois ficarão nos campi do IFB: em Samambaia e São Sebastião. O objetivo é que esses espaços mobilizem as pessoas do DF e entorno, aproximando-os do ecossistema de inovação da região e impulsionando seu potencial em inovação e economia criativa. 

Inscrições a partir de 21/4 pelo www.cocreationlab.com.br e pelos sites da Finatec e FAPDF.

Startups
“O edital vem para aquecer o ecossistema de inovação no DF. O objetivo geral é transformar a região no que diz respeito à cultura da inovação e à criação de startups e empresas a partir de ideias criativas”, diz Renata Aquino, professora e coordenadora executiva do projeto no DF. 

“A Finatec tem como propósito conectar e apoiar pessoas interessadas em melhorar o mundo através do conhecimento aplicado. Enxergamos no projeto Cocreation Lab o meio de apoiar essas pessoas, suas ideias e potencializar o impacto para a sociedade”, comenta Gustavo Abrantes Condeixa, superintendente da Finatec. 

“Nós da FAPDF estamos trabalhando diariamente no desenvolvimento de programas e ações para apoio ao empreendedorismo inovador. Nosso objetivo é promover o desenvolvimento do ecossistema de ciência, tecnologia e inovação do DF, apoiar empreendedores locais e regionais, aumentar a integração entre governo, setor produtivo e academia. O Governo do Distrito Federal acredita que a inovação aberta é uma fórmula de sucesso. Seja para o desenvolvimento e ativação de soluções e ideias efetivas para necessidades e problemas da nossa sociedade quanto para a geração de oportunidades e para a construção da trilha que levará Brasília ao patamar de cidade inteligente irradiadora de conhecimento, tecnologia e desenvolvimento.”, afirma o diretor-presidente da FAPDF, Marco Antônio Costa Júnior.

Para o professor Luiz Salomão Ribas Gomez, a abertura das unidades no DF é o primeiro passo para a expansão da pré-incubadora:

“A chegada ao DF é um importante passo na história do Cocreation Lab, pois marca a abertura das primeiras unidades fora de Santa Catarina, onde o projeto nasceu e se desenvolveu com sucesso. Agora, estamos preparados para chegar a mais estados brasileiros e nos consolidarmos como a maior rede de pré-incubação do país”, finaliza.

Notícias Relacionadas