Instituto Guga Kuerten lota Teatro Pedro Ivo em noite de emoção e reconhecimento

21 de Agosto de 2019

Evento premia pessoas e organizações que colaboram com a verdadeira transformação social

A 17ª edição do Prêmio IGK – A grande jogada social foi um sucesso! Todos os anos o Instituto Guga Kuerten promove o evento com o intuito de garantir visibilidade para as pessoas e instituições catarinenses que, de alguma forma, contribuem com a inclusão social de crianças, adolescentes e pessoas com deficiência.

O nosso eterno campeão, Gustavo Kuerten, logo entrou em cena e, em um discurso emocionado, falou: “Vocês não imaginam o quanto eu e minha família já atingimos. O quanto somos gratos. Mas o que importa é aquilo que a gente retorna. É ver o sorriso estampado nos rosto das 700 crianças e adolescentes que são atendidas no Projeto IGK”.

Em busca de projetos sociais instigantes e inspiradores, o IGK, que já atendeu por meio do esporte e da educação, cerca de 80 mil pessoas, em aproximadamente 190 cidades de Santa Catarina, premiou na noite desta terça-feira (20/08) organizações e pessoas que desenvolvem ou divulgam ações sociais que envolvem crianças, adolescentes ou pessoas com deficiência e utilizam, preferencialmente, o esporte como estratégia de desenvolvimento integral, em Santa Catarina.

Projetos vencedores

Na categoria radio jornalismo o vencedor foi a Rádio Globo Joinville – Itapema FM com a matéria Voluntários do Bem. Duas premiações foram dadas na categoria telejornalismo: Carlos Mattei Rauen da NSC TV – com a reportagem, no dia do goleiro, jovem de SC conhece o ídolo do futsal e Ed Soul Amaral, Jaison Oliveira e Julio Quadrado – com a reportagem Nossa Vida com Alice. Na categoria esporte como ferramenta de transformação social, que levou o prêmio foi o Professor de Jiu-Jitsu Jacson Botelho – Projeto Lutar Para Vencer Florianópolis.

Na categoria Ação Educativa, a Professora Agatha Winter Rodrigues, do Projeto Continhos da Heloisa Guaramirim – da cidade de Schroeder - foi a grande vencedora. A categoria Projeto Social premiou o lindo projeto “É da nossa cor - Florianópolis”. Já a Associação Surf Sem Fronteiras – do Rio Tavares – foi a que se destacou na categoria Inclusão da Pessoa com Deficiência. E pra fechar a noite de premiações, a categoria Especial homenageou o pequeno Luan Matos Camilo Tartari, que tem má formação congênita e sonha em ser goleiro. Mesmo com as várias adversidades, Luan luta com muita felicidade e mostra que muitos problemas do nosso dia a dia podem ser superados.

Uma noite pra ficar na história! Alice Kuerten, presidente do Instituto do Guga Kuerten trouxe no discurso de encerramento a alegria de, em mais um ano, fazer parte desse momento que é tão importante na vida de cada um. E falou da gratidão em ter tantas empresas parceiras. “Vocês são fundamentais na vida do IGK. E também são responsáveis pelo sucesso na vida de cada criança e adolescente que são atendidas pelo nosso Instituto”.

A 17ª edição contou ainda com a apresentação de dança do IGK Dance, o grupo de Violão dos educandos do núcleo São José, o Grupo de Dança da APAE Florianópolis e de Morro da Fumaça, o Grupo de Violino dos educandos do Núcleo Biguaçu e, pra fechar a noite, o cantor Guilherme Botelho cantou e emocionou a todos.