ENTREVISTA: Felipe Marino | diretor de marketing da ADVB/SC

25 de Novembro de 2015

Em 2015, a premiação da ADVB catarinense chegou a 30ª edição com muitas novidades. Este ano, a principal distinção da entidade criou uma categoria especial, o Top Empresa Jovem, para reconhecer a criatividade de jovens empresas e empreendedores catarinenses que estão inovando e colocando diferentes ideias de negócio em prática. A festa de premiação dos vencedores, no dia 1º de dezembro no Centrosul, também será diferente, ganhando novo formato. O diretor de marketing da ADVB/SC, Felipe Marino, fala sobre as mudanças em entrevista para o Acontecendo Aqui.

 
AcontecendoAqui - O Top de Marketing e Vendas é a premiação mais tradicional da entidade, que já reconheceu grandes marcas como Hering, Döhler e Koerich, por exemplo. Como surgiu a ideia de criar uma nova categoria para empresas que estão começando?

Felipe Marino - A Associação dos Dirigentes de Vendas e Marketing de Santa Catarina (ADVB/SC) está sempre evoluindo e procura acompanhar de perto as tendências do mercado. O prêmio é umas das formas de refletir esta evolução e também de marcar as três décadas dedicadas à escolha e reconhecimento das melhores do setor. Na ADVB sempre falamos sobre a importância de apostar em inovação e em novos formatos para que uma marca consiga se manter bem no mercado. Por isso, mudar e trazer novidades para a nossa premiação mais tradicional gera benéficos para todos os envolvidos. Desde o lançamento dessa edição, inspirados pelo crescimento de startups e empresas jovens em Santa Catarina, decidimos movimentar a disputa com a criação de uma nova categoria, que pudesse destacar o que de novo está surgindo neste mercado. Assim, surgiu o Top Empresa Jovem, que premia empresas com até cinco anos de mercado e faturamento anual de até R$ 3,6 milhões, perfil em que se encaixam também as startups, um segmento crescente em todo o estado. Para esta nova categoria, oferecemos facilidades como taxas de inscrição e de administração mais baixas, além de critérios diferentes de avaliação. Foi uma forma de valorizar o esforço dos empreendedores que desde o começo do seu negócio colocam o marketing no planejamento estratégico e por meio dele conseguem crescer de forma diferenciada.

AcontecendoAqui - Quais quesitos foram abordados para as empresas jovens?

Felipe Marino - Para esta nova categoria, oferecemos facilidades como taxas de inscrição e de administração mais baixas, além de critérios diferentes de avaliação em relação a categoria principal. Os cases precisaram atender requisitos como intensidade de inovação em produto ou serviços, ou no processo produtivo ou ainda no modelo de negócio em relação ao mercado em que atua; sustentabilidade financeira, escalabilidade e potencial de crescimento; e impacto socioambiental. Poderiam ter sido realizados na área de marketing ou de vendas ou nos dois segmentos.

 
AcontecendoAqui - O formato do evento de premiação também será diferente este ano, mais intimista. Qual a inspiração?

Felipe Marino - Pensamos em um modelo mais fluido e interativo, onde todos se sintam parte e aproveitem de forma mais ativa e próxima o evento. Vamos trocar o auditório, padrão neste tipo de evento, para um lounge mais aconchegante e que permite maior circulação dos convidados. A ideia é aproximar o público e estimular a troca de ideias, o bate-papo. Alguns grandes negócios e parcerias surgem deste contato e este relacionamento é uma das tônicas da ADVB. Durante a recepção teremos o DJ Jeco Thompson e a cerimônia terá ainda um espetáculo de artistas do Beto Carrero World, especialmente para o evento. Além disso, toda a cenografia vai seguir o conceito da campanha da premiação, criado pela agência Música, e que têm como mote os ‘cases que brilham’ no estado, com muita cor, luz e movimento. Teremos ainda outras surpresas, mas vamos deixar para revelar no evento. Esperamos vocês lá para conhecê-las. 

 

AcontecendoAqui - A lista de premiados de 2015 conta com uma variedade de segmentos e cases por todo estado. Podemos dizer que a exitosa aposta em marketing e em inovação para buscar novos nichos de mercado fez Santa Catarina ser menos impactada pela crise?

Felipe Marino - As ferramentas de marketing, aliadas a bons produtos e serviços, impulsionam as marcas a mostrar força neste momento de instabilidade. Empresas que têm profissionais competentes, antenados e que pensam em inovação, conseguem apresentar o que fazem ou produzem de maneira estratégica para seu público, ampliando assim, a percepção dos consumidores e o sucesso dos negócios. Os vencedores deste ano são exemplos reais disso em Santa Catarina. Temos cases dos mais variados setores, esporte, comunicação, entretenimento, turismo, educação, do mundo dos vinhos. Comprovam também o dinamismo econômico do nosso estado, a competência e a persistência de nossos empresários. De fato, eles entenderam que apesar das dificuldades, a instabilidade do mercado traz consigo oportunidades que nos tiram da zona de conforto e nos desafiam a repensar as estratégias, e até muitas vezes repensar nossas posições como gestores à frente de negócios. Não tenho dúvida que o marketing, quando utilizado de forma correta, ajuda a alavancar todo este potencial. Por aqui, apostamos na inovação, e por isso estamos atravessando um momento difícil com um pouco mais de tranquilidade.

AcontecendoAqui - Fale sobre a experiência que você teve na Diretoria Executiva de Marketing da ADVB/SC e o que leva para sua vida profissional

Felipe Marino - O marketing é uma área chave na ADVB. Neste sentido, o trabalho foi intenso na relação com parceiros, agências, eventos, além da criação e apoio na venda de projetos. Foi um período de muita contribuição e aprendizado. Agradeço a equipe interna da entidade, que possibilitou que todas as entregas programadas fossem feitas superando expectativas. Iremos finalizar a gestão com o evento Top de Marketing e Vendas, e acredito que pudemos contribuir para o todo de forma bem positiva.

Notícias Relacionadas