Villa Francioni celebra 20 anos de fundação

10 de Setembro de 2021

Empresa foi a primeira vinícola com estrutura profissional na região

Na segunda-feira (13) a Villa Francioni comemora 20 anos de fundação. No dia 13 de setembro de 2001, o empresário Dilor Freitas assinou o contrato social que dava vida definitiva à vinícola.

A presidente do Conselho de Administração da VF, Daniela Borges de Freitas, afirma que a estrutura e o sucesso da vinícola se deram pela coragem, ousadia e visão empresarial do pai. “Ele era um homem refinado, que se aprofundou no conhecimento deste negócio, através de viagens pelas regiões de enoturismo de alto padrão. Ele viu na Serra catarinense o clima e o terroir perfeitos para plantar uvas e produzir vinhos longevos e de qualidade superior”, comenta.

Para comemorar esse marco, a Villa Francioni está lançando kits de quatro vinhos distintos (Chardonnay, safras 2006 e 2007 – Francesco, safras 2005, 2006 e 2008 – VF Tinto, safras 2004 a 2006 – Michelli, safras 2005 a 2007). “Esse é um momento a ser comemorado e por isso estamos disponibilizando de nossa enoteca os vinhos mais antigos e especiais para degustação vertical. Assim, enófilos e conhecedores de vinho poderão viver uma experiência única com vinhos VF de até 17 anos”, explica Daniela.

A vinícola

A Villa Francioni, localizada a 1.260 metros de altitude, foi a primeira vinícola com estrutura profissional na região e com condições de receber visitantes todos os dias, oferecendo passeios nos vinhedos e degustação com os vinhos tintos, brancos, rosé e espumantes da marca. Nos 4.478,57 metros quadrados de área, são fabricadas 100 mil garrafas por ano, o que atesta o acerto da iniciativa de Dilor e a liderança da vinícola numa região que se mostrou perfeita para a vitivinicultura.

Além disso, a empresa também  mistura vinho e arte num só lugar. A Galeria de Arte já recebeu exposições e obras de Camille Claudel, Juarez Machado, Luciano Martins, trouxe pela primeira vez ao Brasil as obras do tcheco Standa Sedlak, com a exposição “From Sea to Sea” e, pela primeira vez em Santa Catarina, as obras da artista multimídia Ruchita, com a exposição “Somos Grãos”, que ainda estão na Galeria. Todos com a curadoria do consultor cultural da Villa Francioni Edson Busch Machado.

Notícias Relacionadas