Endeavor busca catarinenses para Programa Scale-up

12 de Março de 2018

A iniciativa irá selecionar 200 negócios com alto crescimento para receber mentorias e suporte por meio da conexão com os principais líderes do país. As inscrições vão até dia 6 de abril.

 

O programa Scale-up, iniciativa da organização mundial de fomento ao empreendedorismo Endeavor, está com inscrições abertas em Santa Catarina. Serão selecionados 20 empreendedores que estão se destacando no mercado pelo alto crescimento. Durante o programa, os participantes terão acesso a mentorias exclusivas e a toda rede de conexões Endeavor. As inscrições vão até 6 de abril e os interessados podem saber mais em scaleupendeavor.org.br.

 

Para edição de 2018 a Endeavor irá selecionar 200 empresas, de todo o país, com turmas sediadas em Fortaleza, Recife, São Paulo, Belo Horizonte, Curitiba, Florianópolis e Porto Alegre.

 

O objetivo do programa é que os selecionados possam aprender com quem já fez, potencializando o impacto de seus negócios. “A metodologia do programa estimula a formação desse coletivo baseado na confiança e na ajuda mútua entre empreendedores - que trocam boas práticas e assim, crescem mais rápido”, explica Igor Piquet, diretor de Apoio a Empreendedores da Endeavor. “Todas as áreas de um negócio são abordadas, desde atração e formação de talentos, governança, captação de recursos, expansão, até a  formação do empreendedor como executivo”, complementa.

 

Santa Catarina em destaque
Só nos últimos três anos, a Endeavor acelerou mais de 600 scale-ups, ou seja, negócios que apresentam alto crescimento e modelo de negócios escalável. Em Santa Catarina, 79 empresas já passaram pelo programa. Em 2017, as 25 selecionadas catarinenses geraram 260 empregos e tiveram um aumento de, em média, 126% na receita dos negócios. "No Scale-up conseguimos proporcionar um ambiente muito rico de troca entre os empreendedores. Gerando suporte para ele crescer mais, gerar mais empregos e se transformar em inspiração para a comunidade empreendedora", explica Guilherme Lopes, líder Endeavor de Santa Catarina.

 

Mentorias
Esta edição contará com mentores de peso, como Miguel Abuhab, criador da Datasul e Neogrid, Junior Durski, do Madero, Pedro Chiamulera, da Clearsale, Moacir Marafon, da Softplan, e outros empreendedores de sucesso do estado. Haverá o evento oficial de abertura, no mês de maio, seguidos pela fase de diagnóstico dos desafios, e a de apadrinhamento, na qual serão feitos os matchings entre empreendedores e mentores. Ao todo, são sete meses de duração, durante os quais serão realizadas mentorias coletivas e encontros mensais entre os líderes de empresas com maior sinergia.

 

Para Mateus Bodanese, Ceo da myTapp, empresa que desenvolve solução para autosserviços de chopp, a mentoria oferecida pelo programa ajudou a pensar novas soluções para a empresa “Uma das coisas mais importantes nessas mentorias talvez sejam os erros que os mentores cometeram no passado e que passam para nós, para que não aconteça com a gente também”, explica Mateus, “nosso padrinho era de São Paulo e possui uma rede de bares e restaurantes que contemplam 10 marcas diferentes. O mercado de atuação dele tem tudo a ver com o que a myTapp está buscando como cliente e a mentoria foi muito boa para que entendêssemos a dor desse mercado e como atuar diretamente nela”, explica.

 

Os programas Endeavor são equity free, ou seja não requerem um percentual das empresas em troca da aceleração, com o objetivo de garantir a neutralidade do apoio.