Jornalista de Blumenau cria Podcast Pense Moda

25 de Novembro de 2019

O objetivo do canal é questionar a indústria têxtil com exemplos de modelos de negócios que estejam preocupados com o planeta, o seu público e o meio ambiente

A loja coletiva ENXAME é umas das iniciativas que abraçam a causa das marcas autorais em Blumenau

A cada dia, as pessoas estão mais interessadas em empresas que contribuam para a sociedade. Quando se fala em moda, as marcas tomam causas como o consumo consciente, ações sustentáveis e muitas delas até causas sociais.

Dessa forma, o jornalista blumenauense e produtor de conteúdo, Lucca Koch, lançou recentemente o podcast Pense Moda, que tem como intuito questionar a indústria têxtil com exemplos de modelos de negócios que estejam preocupados com o planeta, o seu público e o meio ambiente.

O projeto ganha pílulas semanais no instagram do Lucca (@luccakoch), para se transformar em um conteúdo mensal onde são entrevistados especialistas das mais diversas áreas. Em seu primeiro episódio o podcast contou com a participação dos catarinenses Leo Begin, especialista em marketing, e a marca blumenauense Von der Volk, que debateram sobre o novo homem e o consumo de moda.

No segundo episódio, Lucca traz as marcas com propósito para a cena. Entre os convidados está André Carvalhal, dono da label sustentável Ahlma e autor do best-seller A moda imita a vida: Como construir uma marca de moda (2014).

“Falar desses assuntos mostra que moda é muito mais que apenas vestir uma roupa, mas é também capaz de levantar bandeiras e principalmente servir de exemplo para as futuras gerações”. Enxerguei no podcat uma forma desse conteúdo chegar ao maior número de interessados, uma vez que é um tipo de conteúdo que vem crescendo no Brasil”, explica Lucca.

De acordo com uma pesquisa realizada pela plataforma Deezer, programas de áudio sob demanda cresceram 67% no país durante este ano. Dentre os ouvintes no Brasil, 25% tende a consumir mais de uma hora de programas em áudio por dia.

“A preocupação aqui é deixar o exemplo através das iniciativas que mais chamam a atenção no nosso estado, mas também abrindo a discussão para outros profissionais que podem com sua experiência servir de agentes incentivadores para o mercado local e consequentemente para o público”, conclui o jornalista.