Regional FM amplia vantagem na audiência conforme resultado de mais uma pesquisa

12 de Janeiro de 2018

Emissora mantém posição isolada na liderança com mais do dobro de duas concorrentes imediatas

A pesquisa Kantar/Ibope, que monitora a audiência das emissoras comerciais de rádio FM e AM da região Metropolitana de Florianópolis, foi divulgada na última quarta-feira, 10/01, e o resultado, mais uma vez, mostrou a isolada liderança da Regional FM, com 25 pontos percentuais no horário de melhor qualificação do rádio brasileiro, das 7:00 às 19 horas. (Fonte: Kantar/Ibope média, EasyMedia4, Grande Florianópolis, Todos os dias, Todos os Locais, Todos os Equipamentos, Sexos Ambos, das 7:00 às 19:00 horas, período de outubro a dezembro/2017);

 

Os números da pesquisa mostram mais uma vez que a rádio preferida dos ouvintes tanto na Ilha, quando nas cidades da região continental da Capital catarinense é a RREGIONAL. Somente nas três cidades: São José, Palhoça e  Biguaçu ela tem uma dianteira de 15 pontos percentuais à frente da segunda colocada. (Fonte: Kantar/Ibope média, EasyMedia4, Grande Florianópolis, Todos os dias, Todos os Locais, Todos os Equipamentos, Sexos Ambos, Periferia 1 (São José, Palhoça e Biguaçu), das 7:00 às 19:00 horas, período de outubro a dezembro/2017);

 

A emissora comanda por Luiz Carlos Goedert, o Luizinho, que também apresenta há 12 anos e meio o programa matinal Bom Dia Regional, das 6:00 às 8:00 horas, voltou a liderar este horário. A morte de um dos integrantes do programa (Aipim) que é um misto de humorístico e jornalismo, no ano retrasado e a saída de outro integrante fez a concorrência voltar a liderar  o horário por alguns meses. Repaginado, com novos integrantes, o Bom Dia Regional vem fazendo sucesso inclusive nas redes sociais, pois a emissora  também investiu na transmissão ao vivo pelo Facebook e Instagram. O trio Luizinho, que atua como âncora, Manezinho (Flávio Félix), que acumula os personagens Pedrinho e Angelina (Uma crítica humorística a ex-prefeita Ângela Amin) e o Alemão da Regional (Nadirson Fritzen) reconquistaram os ouvintes com muita alegria e diversão todas as manhãs na Regional FM.

Na opinião do diretor geral da emissora, Luiz Carlos Goedert, a Regional faz um estilo de rádio que no Brasil está em extinção. “Nossa emissora tem alma, coração e emoção”, fala com brilho nos olhos. Luizinho se refere à alta interatividade que sua rádio tem com seu público. “Nossos ouvintes nos escolheram porque sabem que somos a companhia que eles sempre quiseram ter”, destacou o empresário.