Liderança | NSC Total é o portal do Estado mais lido em agosto

15 de Setembro de 2021

Coberturas especiais contribuíram para o alcance

Foto: Arte/NSC Total

 

Segundo números do Instituto Verificador de Comunicação (IVC), o NSC Total é o portal de notícias de Santa Catarina mais lido em agosto. Além da liderança, a plataforma – que reúne os jornais Diário Catarinense, A Notícia, Jornal de Santa Catarina e Hora de SC; as rádios CBN Diário e Joinville, Itapema FM e Atlântida SC -, mantém-se líder, isoladamente e com folga, no número de usuários únicos – que atingiu, em agosto, 9.742 milhões. O segundo colocado obteve 6.978 milhões, enquanto o G1 SC/NSC TV alcançou 4.816 milhões, e Globoesporte SC, 4.551 milhões.

As coberturas especiais como as Olimpíadas, o alargamento da faixa de areia em Balneário Camboriú e os 200 anos de Anita Garibaldi refletiram no resultado total de pageviews do portal, mais de 20.180 milhões em agosto. Também factuais importantes tiveram destaque nos veículos do portal, como os novos bilionários de SC na lista da Forbes, a rifa, as cidades catarinenses que mais cresceram e a morte do comunicador Magro Lima

Conteúdo estratégico

A produção de conteúdo estratégico, somada aos factuais, fundamental para a liderança tanto em pageviews quanto em número de usuários. Foram serviços sobre o Coronavírus, vacinação, FGTS, trânsito e, claro, tempo. “São conteúdos que não envelhecem e estão sempre ajudando os leitores de Santa Catarina a terem informações confiáveis e checadas. Quase um quarto da nossa audiência vem desses conteúdos”, diz Fabrício Vitorino, gerente de conteúdo digital do portal. 

Mas a liderança em pageviews, há muito tempo, já não é a métrica mais utilizada pelo portal NSC Total e seus veículos. Para os jornais (DC, AN, Santa, Hora), que operam no modelo de assinaturas, é importante entender a jornada do leitor. Quanto tempo ele passa logado, a que horas consome, que tipo de conteúdo é mais útil em cada praça e, mais importante, a fidelidade, já que o NSC Total tem quase 40% a mais usuários que o segundo colocado.  

 “Temos uma base maior de fidelizados que o concorrente local. E além disso, temos uma boa gordura. Precisamos entender nossa base e trabalhar para sermos relevantes a ponto de conquistarmos a confiança do leitor – e tê-lo como assinante. Aliás, temos um número de usuários pagantes dezenas de vezes maior que o segundo colocado. E o número de assinantes, desde a implementação de ferramentas de última geração, bate recordes mês após mês. Clique, pageview, podem ser facilmente manipulados, com práticas duvidosas ou conteúdo clickbait e apelativo, e não pagam as contas. É como se vangloriar de ter um restaurante cheio de clientes que não consomem nada. Confiança no conteúdo, no jornalismo, faz o usuário assinar e voltar sempre”, diz Vitorino. 

Ação crossmidia

 Outra métrica importante é ação crossmidia entre rádios e digital. Como as maiores emissoras de Santa Catarina estão no portal, é importante entender como o usuário consome, ouvi-lo e oferecer conteúdo ainda mais dinâmico. Aliás, depois da estreia da CBN Joinville no portal, a novidade do NSC Total é um site totalmente novo para a Atlântida SC.  

G1 SC na segunda posição 

O G1 SC, portal de notícias da NSC TV, que opera no modelo aberto, frequentemente ocupa a segunda posição no ranking de usuários do estado. Em maio, inclusive, chegou a liderar o top 3, tendo o NSC Total em segundo. Quando somadas, as audiências de G1 SC e GE.SC tornam os verticais “free” digitais da NSC TV no segundo maior player do estado em número de usuários, segundo métricas do Google Analytics. 

Além disso, o G1 SC, operando em sinergia com a NSC TV e os jornais e rádios do NSC Total, ganhou o prêmio de valorização da biodiversidade na categoria jornalismo/Roberto Miguel Klein, da Fundação de Amparo à pesquisa e inovação de Santa Catarina (Fapesc), com a série multimídia "Como a gente trata o nosso ambiente" . A premiação destaca trabalhos que envolvem ecologia e biodiversidade de plantas nativas do Estado. 

  “Estamos trabalhando duro há meses para melhorar o jornalismo de Santa Catarina, trazendo ferramentas, práticas e profissionais de ponta. Demos um salto na sinergia entre TV, rádios, digital e impresso. Com furos, exclusivos, análises e conteúdo diferenciado, estamos colecionando prêmios e batendo recordes de assinaturas – e não tem reconhecimento melhor do que esse. Nosso jornalismo vai muito além do clique.”, diz Vitorino. 

Notícias Relacionadas