Lego utiliza peças em braile para alfabetizar deficientes visuais

11 de Julho de 2018

Criada pela Lew’Lara/TBWA, iniciativa tem como intuito incluir socialmente os deficientes visuais

Batizado de "Braille Bricks", o projeto visa ensinar o braile de um modo mais leve e divertido. A ideia surgiu através de um insight dos criadores Leandro Pinheiro e Ulisses Razaboni ao notarem pela primeira vez o alfabeto em braile e sua semelhança com as peças de brinquedo. Para se chegar ao resultado esperado, as peças foram desenvolvidas em diversas etapas, como corte, lixa e alisamento de pinos.

Através da hashtag #braillebricksforall, a iniciativa ganhou grande repercussão, sendo aderida até pelo governo de Obama. Além disso, o projeto também foi indicado para diversos festivais de publicidade e ganhou o Cannes Lions de Direct and Promo.

Com uma interface inclusiva, o método demonstra que ensinar de um modo lúdico pode trazer um retorno extremamente positivo para as crianças.