Aprovada pelo Cade venda do Grupo Abril ao empresário Fábio Carvalho

10 de Janeiro de 2019

Carvalho deve assumir o cargo de presidente executivo do Grupo em fevereiro

Foi aprovada sem restrições pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), a venda do Grupo Abril à Cavalry Investimentos, do empresário Fábio Carvalho, dona das redes de lojas Casa & Vídeo e Leader.

A operação foi aprovada pela Superintendência-Geral do órgão, que é vinculado ao Ministério da Justiça, e não precisará passar por avaliação do plenário do conselho. Segundo o Cade, a compra do Grupo não causa prejuízos à concorrência do Grupo Abril e nem ao mercado no qual Carvalho atua.

Com a aprovação da venda, Carvalho passará a ser o único controlador do Grupo Abril, fundado em 1950 por Victor Civita e controlado pela família Civita por 68 anos.

Em agosto de 2018, a editora encerrou nove títulos: Elle, Cosmopolitan, Boa Forma, Casa Claudia, Minha Casa, Arquitetura, Veja Rio, Bebe.com e Mundo Estranho. Com isso, cerca de 800 colaboradores foram demitidos. As dívidas trabalhistas da empresa estão em R$ 90 milhões e a empresa afirma que irá quitá-las integralmente ao longo de 12 meses até o limite de 250 salários mínimos por pessoa (equivalente a R$ 238,5 mil). Funcionários com indenização superior a esse valor deverão receber apenas 8% do total em pagamentos mensais durante 18 anos.

Carvalho deve assumir o cargo de presidente executivo do Grupo Abril em fevereiro.