Publicidade
Alright e Agência Lupa promovem evento sobre jornalismo no combate à desinformação
18 de Abril de 2024

Alright e Agência Lupa promovem evento sobre jornalismo no combate à desinformação

Ação conta com transmissão ao vivo no YouTube da Alright no dia 18/4

Publicidade

A Alright, em parceria com a Agência Lupa, promove a live “O papel do Jornalismo Local no Combate à Desinformação”. O evento ocorre nesta quinta-feira (18/4), às 10h, no YouTube da Alright.

A iniciativa visa fortalecer veículos de comunicação, editores e jornalistas locais, no uso das principais metodologias de verificação e checagem de fatos.

Publicidade

São especialistas no assunto e convidados: Natália Leal – Agência Lupa; João Brant – Secretário de Políticas Digitais da Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República; Marta Alencar – jornalista, professora e fundadora da COAR; Marco Aurélio Jacob – jornalista e publicitário, sócio-fundador do Portal Gazeta do Cerrado; e Marlise Viegas Brenol – Jornalista e Pesquisadora.

O evento ocorre em um momento sensível para os profissionais do jornalismo e para toda a sociedade brasileira que está envolvida em debates sobre o perigo da desinformação com a proximidade do período eleitoral, o crescente uso de telas e dispositivos digitais, além das discussões sobre o papel dos governos na regulamentação de plataformas. Será uma oportunidade para incentivar editores e veículos locais que atuam como agentes no combate à desinformação em defesa da democracia.

Ao final deste texto você encontra o vídeo na íntegra

 

Por que é importante discutir sobre desinformação?

A disseminação de desinformação, fake news e a própria infodemia não são fenômenos novos nos meios digitais. No entanto, a propagação da desinformação aumenta significativamente em anos eleitorais. Em 2024, com as eleições municipais no Brasil, a desinformação afeta as redes sociais, aplicativos de mensagens, sites e portais, representando uma ameaça à democracia e à sociedade.

O propósito da iniciativa é compartilhar formas de combate à desinformação, como educação midiática, metodologias de checagem e verificação, entre outras apresentadas pelos convidados. Além disso, serão debatidas soluções para fortalecer o ecossistema jornalístico, como o trabalho colaborativo e a educação de profissionais, leitores e audiências.

Também serão avaliadas perspectivas futuras, incluindo a regulamentação e o controle por parte do poder público, com a justiça eleitoral desempenhando um papel crucial na mobilização de diversos setores da sociedade.

O fundador da Alright, Domingos Secco, destaca que a credibilidade é o bem mais precioso dos veículos de notícias locais. Ele ressalta que os veículos têm um papel fundamental no combate à desinformação por meio da apuração e verificação de fatos. “O que nós vamos discutir é a essência do negócio do jornalismo. Por isso é necessário se mobilizar, especialmente neste ano de eleições municipais, quando as tecnologias e a inteligência artificial facilitam aqueles que desejam minar os princípios e valores do jornalismo”.

Domingos Secco enfatiza que “todos os envolvidos com o jornalismo devem lutar, levantar essa bandeira, ir para a rua, ligar o microfone, o megafone, e trabalhar na checagem e no combate à desinformação, porque ela não só prejudica a sociedade, mas também prejudica o negócio do jornalismo”.

 

Saiba mais sobre a composição e o time de convidados:

  • Natália Leal é jornalista e diretora executiva da agência Lupa, plataforma de combate à desinformação. É especialista em gestão de recursos humanos e cursa especialização em gestão empresarial. Já atuou como editora-assistente, coordenadora de produção e repórter, passando por diversas redações do Brasil.
  • João Brant é Doutor em Ciência Política pela Universidade de São Paulo (2018), mestre em Regulação e políticas de comunicação pela London School of Economics (2006) e graduação em Comunicação Social com Habilitação em Rádio e TV pela Universidade de São Paulo (2001). Foi Secretário Executivo do Ministério da Cultura de 2015 a 2016 e assessor especial na Secretaria Municipal de Cultura em São Paulo em 2013 e 2014. Atuou por 10 anos em organizações da sociedade civil, em temas como liberdade de expressão, infra-estrutura de telecomunicações e direitos da Internet. Foi consultor da Unesco, Fundação Ford, Global Partners, OBSERVACOM, entre outras instituições.
  • Marta Alencar é Jornalista, Doutoranda em Comunicação pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos (UNISINOS), professora substituta da Universidade Federal do Maranhão (UFMA) em Imperatriz. Fundadora da COAR (Startup Jornalística e Educacional de Fact-checking no Nordeste) e do E-COAR Podcast.
  • Marco Aurélio Jacob é jornalista e publicitário, sócio-fundador e CEO do Portal Gazeta do Cerrado, apresentador na Rádio 96 FM, especialista em Alta Performance e Eficiência em Projetos. Também é cineasta, documentarista e produtor audiovisual. Além disso, é roteirista, produtor, e diretor de TV e Cinema.
  • Marlise Viegas Brenol é Jornalista e Pesquisadora e fará a mediação do bate-papo.

Publicidade
Publicidade