Publicidade
O papel da Inteligência Artificial na personalização da publicidade online:estratégias e tendências
10 de Abril de 2024

O papel da Inteligência Artificial na personalização da publicidade online:estratégias e tendências

A IA está capacitando os profissionais de marketing e oferecendo experiências mais relevantes e envolventes aos consumidores

Publicidade
Por Carlo Manfroi 10 de Abril de 2024 | Atualizado 11 de Abril de 2024

A personalização da publicidade online tornou-se uma prioridade para os profissionais de marketing, impulsionada pela necessidade de envolver os consumidores de forma mais significativa.

Nesse contexto, a inteligência artificial (IA) desempenha um papel crucial, permitindo a análise de grandes volumes de dados e a entrega de anúncios altamente relevantes e personalizados.

Publicidade

Porém, há também o viés causado por erros de interpretação e a consequente adoção de estratégias que podem não dar em nada. Por isso, é extremamente importante a curadoria e olhar atento (humano) do pesquisador em busca do resultado desejado.

O poder dos algoritmos de IA na análise de dados

Os algoritmos de IA capacitam profissionais e a equipe de marketing a extrair insights valiosos de conjuntos de dados complexos. A análise preditiva e a segmentação de público-alvo são aprimoradas por meio de algoritmos de aprendizado de máquina, permitindo a identificação de padrões de comportamento e preferências dos consumidores.

Personalização em tempo real

A IA possibilita a personalização em tempo real dos anúncios, adaptando-os dinamicamente com base em interações anteriores, localização geográfica, clima e outros fatores contextuais. Isso aumenta a relevância dos anúncios e melhora a experiência do usuário.

É importante, porém, que a equipe de gestão do projeto tenha um acompanhamento próximo do que está em andamento, para poder redirecionar qualquer equívoco de direcionamento quanto ao público ou teor da mensagem que está sendo encaminhada.

Estratégias de personalização de conteúdo

As estratégias de personalização de conteúdo baseadas em IA incluem recomendações de produtos, conteúdo dinâmico e anúncios direcionados com base no comportamento de navegação e histórico de compras. Essas abordagens aumentam a probabilidade de conversão e incentivam o engajamento do usuário.
Uma das boas métricas para averiguar se a estratégia está adequada é a análise de feedbacks sobre as ações desenvolvidas, seja em termos de venda ou construção de marca.

Desafios éticos e privacidade dos dados

A personalização extrema levanta preocupações éticas sobre a privacidade dos dados e o potencial para a manipulação do comportamento do consumidor. Os profissionais de marketing devem adotar práticas transparentes e éticas, garantindo o consentimento do usuário e o respeito à privacidade.

A LGPD – Lei Geral de Proteção de Dados, apesar de ainda sofrer críticas, é o caminho para balizar as interações online.
Tendências futuras

Com base nas pesquisas realizadas, algumas delas evidenciadas aqui neste artigo, há algumas recomendações de áreas que se desenvolverão (e já estão!) no presente-futuro próximos, como:
● Expansão da personalização baseada em IA para novos canais, como dispositivos de IoT e realidade aumentada.
● Integração de IA com outras tecnologias, como análise de sentimentos e reconhecimento de imagem, para personalização avançada.
● Aumento do uso de IA para otimização de experiência do usuário em publicidade omnichannel.

Sem dúvida, a inteligência artificial está transformando a personalização da publicidade online, capacitando os profissionais de marketing a oferecendo experiências mais relevantes e envolventes aos consumidores. Embora apresente desafios éticos, o uso responsável da IA pode impulsionar o sucesso das campanhas publicitárias e fortalecer o relacionamento com o cliente. Na Qualé Digital, trabalhamos com IA para a plataforma de mídia em alto volume e potência. Porém, as experiências estão mostrando que também é possível realizar estudos com sucesso em casos de menor porte e pontuais.

  • Carlo Manfroi é publicitário, membro integrante da APP de Inteligência Artificial PPGEGC/UFSC, sócio-fundador da agência de marketing Qualé Digital, escritor, pesquisador e mestrando em Engenharia, Gestão e Mídia do Conhecimento no EGC da UFSC.

Publicidade
Publicidade