Coluna Inspiração - Publicidade Espacial

11 de Novembro de 2019

NASA estuda a possibilidade de regulamentar anúncios em seus foguetes

 

A coluna de hoje é mais uma curiosidade do que uma inspiração. Publicidade espacial é o uso de publicidade no espaço sideral ou relacionada a voos espaciais. Houve várias tentativas bem-sucedidas na história e, apesar da proibição da NASA, a própria agência segue estudando a possibilidade de regulamentar anúncios em seus foguetes e “naming rights” em suas missões. Infelizmente o tema sempre é barrado, pois se trata de um órgão público.

No começo do ano, uma startup russa prometia levar publicidade ao espaço já em 2020, com um satélite outdoor que refle a luz solar e que colocaria a marca da Pepsi brilhando no céu. A parceria acabou não dando certo. Por questões éticas e de muitas reclamações sobre a “publicidade espacial intrusiva”, a Pepsi abortou a missão.

Este era o vídeo promocional da StarRocket (The Orbital Display):

 

the orbital display in action from Vlad Sitnikov on Vimeo.

 

Mas essa história de publicidade no espaço começou bem antes disso. Em 1985, a Coca-Cola já produzia latas especiais para os astronautas e impressionava os americanos com a famosa “Space Can”.

 

 

Em 2001, a Pizza Hut surpreendeu e se tornou a primeira empresa do mundo a entregar uma pizza no espaço. Levando mais tempo do que os 30 minutos habituais para fazer a entrega, a pizza subiu a bordo de um foguete russo usado para reabastecimento e virou o jantar do astronauta Yuri Usachov. Do lado de fora do foguete um grande logotipo da pizzaria era o destaque.

 

 

 

                                           

Em 2019, no lançamento do novo Samsung S10, a marca enviou um celular para o espaço para tirar selfies em tempo real com a Terra de pano de fundo (Samsung Space Selfie). A ação fez sucesso entre influenciadores e celebridades que puderam ter suas fotos em um ângulo inédito.

 

Samsung Space Selfie

 

 

 

Não teria como falar de publicidade espacial sem citar os dois maiores sucessos recentes desse tipo de comunicação: a ação do empresário Elon Musk de colocar um carro em órbita e o atleta da Red Bull que quebrou vários recordes ao pular da estratosfera ao vivo no YouTube.

Tesla Roadster - Starman

 

 

Redbull Stratos

 

 

Nem sempre é fácil colocar uma marca céu. Em 2017, o KFC teve uma tentativa frustrada de enviar comida para o espaço. O projeto não deu certo, mas a marca conseguiu produzir algum conteúdo para contar história.

 

KFC Space Sandwich

 

Nem todo mundo acha isso uma boa ideia. A discussão de colocar propaganda no espaço vai longe. Entre leis que permitem o direito de explorar livremente o espaço sideral como o “Tratado do Espaço Exterior” da ONU, de 1966, e leis de responsabilidade espacial que proíbem o lançamento de “lixo” espacial para fins comerciais, incluindo publicidade, ninguém sabe qual o limite para a os anunciantes sem fronteiras.

Quando será que veremos um outdoor na lua?

Coluna Inspiração

  • imagem de gustavot
    Gustavo Teixeira é formado em Comunicação Social pela FAAP e com especialização em Marketing e Branding pela FGV e ESPM. Iniciou a carreira no universo digital, em portais como UOL e TERRA. Nos últimos 12 anos, atuou no Grupo ABC/Omnicom Group liderando a área de planejamento estratégico da Agência Tudo e Tracylocke Brasil. Atualmente Gustavo lidera a área de planejamento e marketing da NSC Comunicação. É responsável pelo desenvolvimento de novos produtos comerciais e planos de mídia integrados.