Coluna Fernanda Bornhausen Sá | Movimento Data for good: data science ajudando a solucionar os grandes problemas da sociedade

23 de Abril de 2018

Dados são algo que, uma vez que você sabe o que fazer com eles, permitem coisas incríveis. Se você não for da área de tecnologia pode nem imaginar, mas todas as aplicações (os apps do seu celular, programas do seu computador, etc.) dependem de dados de alguma forma. Hoje, com a quantidade de dados sendo gerados a cada segundo e as crescentes novas formas de gerá-los, o potencial de aplicação é incrível.

Então, porque não usá-los para o bem? Para resolver problemas da sociedade? É esse o ponto que queremos abordar.

Como tudo isso é muito novo, cito alguns exemplos que podem te ajudar:

Direito e legal - como prever futuros crimes

O professor da Universidade da Pensilvânia, Richard Berk, especialista em estatística criminal, afirma que sua análise de dados consegue prever com 75% de precisão se um preso recém solto ou sob condicional se envolverá em assassinatos (que cometa ou sofra), baseado nos seus dados demográficos, histórico de delitos, etc.

 

Governo e gestão pública: combate à corrupção

A Operação Serenata de Amor é um projeto brasileiro, da empresa Data Science Brigade,  que deu origem à Rosie, robô que examina contas públicas de deputados brasileiros em busca de irregularidades. Em poucas semanas o projeto foi implementado usando dados públicos e abertos e a expertise de um super time de cientistas de dados. Em poucos meses houve uma mudança estrutural no uso do dinheiro público por parte dos deputados federais, um enorme ganho para toda a sociedade brasileira.

 

Saúde : prevenção - diminuição da taxa de retorno de pacientes ao hospital

Em um hospital de Washington DC, a Microsoft analisou dados anônimos dos pacientes por diversos anos – tratamentos, diagnósticos, perfis, etc. Os analistas estavam em busca de fatores que pudessem reduzir a taxa de retorno dos pacientes ao hospital, e descobriram que o indício de depressão era um fator que poderia provocar esse comportamento. Em outras palavras, o investimento em programas de tratamento de saúde mental, relativamente baratos, impactariam fortemente nas economias do hospital.

Economia : avisos antecipados de crises econômicas e sociais

Em 2009, na crista da recessão econômica, foi lançado o Sistema de Alerta de Vulnerabilidade de Impacto Global, chamado depois de Global Pulse. Basicamente uma ferramenta que gera avisos antecipados de crises econômicas e sociais baseadas em fontes únicas de dados atualizados em tempo real. Recentemente, a plataforma expandiu seu nível de uso de dados para monitorar tudo, desde fluxos de imigração à chances de enchente.

Direitos Humanos : Tráfico de seres humanos

A Uptake, como empresa especialista em soluções de dados para a indústria, decidiu investir em usar dados e sua expertise para solucionar problemas históricos da sociedade. Andrew Means e a Uptake são um grande exemplo de como precisamos fazer um melhor trabalho de colaboração com organizações sem fins lucrativos.

O case da Uptake está vinculado a melhores ferramentas de dados e tecnologia na luta contra o tráfico de seres humanos. A empresa construiu uma ferramenta usada por intervencionistas de tráfico de seres humanos e também realizou um simpósio em Washington, DC, em 8 de junho, para discutir como podemos avançar a ciência dos dados como meio de reduzir o tráfico de seres humanos em todo o mundo.

Andrew Means é o líder do movimento Data for Good nos EUA e parceiro do Social Good Brasil no movimento Data for Good Brasil, ele também organiza conferências de Data for Good, sendo uma das principais na Universidade de Stanford no Vale do Silício.

Movimento Data for Good Brasil : Usando os dados para o bem

Nos EUA, o movimento Data for Good, liderado pelo fera Andrew Means,  já conta com milhares de pessoas, cientistas de dados, empresas e universidades e, aqui no Brasil, foi lançado pelo  Social Good Brasil no Festival Social Good Brasil 2017, em parceria com expoentes no assunto como IBM, Neoway, Exosphere, Resultados Digitais, Data Science Brigade, ACATE, Sapiens Parque

O Social Good Brasil, do qual eu tenho a honra de ser uma das co-fundadoras, tem como propósito disseminar e incentivar o uso das novas tecnologias e inovação para enfrentar os grandes problemas da sociedade e, em uma nova onda de inovação, decidiu convidar sua rede de inovadores para mais esse desafio, o uso de Dados para o Bem.

Quer fazer parte do Movimento Data for Good Brasil?

Entre em contato com a gente no Social Good Brasil!

Fernanda Bornhausen

  • imagem de fersa
    Apaixonada por inovação e empreendedora de sonhos, Fernanda é guiada pela lógica do impossível. Psicóloga com MBA em Administração Global, é Co-Founder e Presidente Voluntária do Social Good Brasil, sua grande família e seu propósito maior. Também é CEO da Clear Inovação, VP do Conselho Deliberativo da ACATE/SC, Conselheira do Grupo Cometa e mentora de diversos empresários e executivos. Acredita no poder dos dados para a sustentabilidade dos negócios e para ajudar a resolver problemas sociais. Acompanhe Fernanda pelo Linkedin> https://www.linkedin.com/in/fernandabornhausensa/

Notícias Relacionadas