Coluna Cinema | Outubro Rosa - Filmes com histórias de Superação

24 de Outubro de 2020

Trago hoje uma relação de filmes que vão te emocionar!

 

Prepare seu lenço! Outubro é o mês oficial de atenção e prevenção ao câncer de mama. Outubro Rosa é uma campanha de conscientização que tem como objetivo principal alertar as mulheres e a sociedade sobre a importância da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de mama. Acredito que muitos de vocês, queridos leitores, conheçam ao menos uma pessoa que já foi diagnosticada com câncer de mama, que é o tipo de câncer mais comum entre as mulheres no mundo todo. No Brasil. ele responde por cerca de 29% dos novos casos a cada ano, entre todos os tipos de tumores que atingem as mulheres. 

Dedico a coluna de hoje para minha mãe Rosana que, infelizmente, perdeu a vida para o câncer de mama, mas deixou uma grande lição: nunca desistiu, lutou até o final na esperança da cura. Mas a doença não precisa ser vista como uma sentença de morte e pode ser curada se for descoberta logo no início. O câncer de mama descoberto no estágio inicial tem chance de sobrevida de mais de 90% das mulheres. Muitas das que passaram por essa experiência saíram fortalecidas.

Na seleção abaixo filmes cheios de lições de vida e histórias motivadoras para assistir e se emocionar. Confira histórias  inspiradoras e realistas sobre pessoas que enfrentaram o câncer de mama:

 

Já Estou com Saudades
Jess (Drew Barrymore) e Milly (Toni Collette) são melhores amigas desde a infância. Enquanto Milly se casou, teve dois filhos e construiu uma carreira de sucesso, Jess decidiu levar uma vida pacata ao lado do marido Jago. Após se submeter a um tratamento, Jess enfim consegue engravidar. Mas a notícia vem justamente quando Milly descobre ter câncer de mama e precisa passar por quimioterapia, o que necessitará do apoio não apenas da amiga, mas de toda a família. Ano 2015. 

 

 

 

Lado a Lado
Uma jovem de doze anos (Jena Malone) e um garoto de sete (Liam Aiken), filhos de pais separados, não aceitam a nova namorada de seu pai (Ed Harris). O garoto até tolera a situação, mas a adolescente não se conforma com o divórcio e com o fato de seu pai e a namorada (Julia Roberts)  viverem juntos, pois isso significa que as chances de reconciliação dos dois são quase nulas. No entanto, uma notícia inesperada faz com que a relação entre eles comece a mudar: a mãe das crianças (Susan Sarandon) descobre um tumor maligno na mama. Por esses motivos, todos precisam superar suas diferenças e se ajudarem. Ano 1998.

 

Uma chance para viver
Dr. Dennis Slamon (Harry Connick Jr.) trabalha com uma droga chamada Herceptin na tentativa de descobrir a cura para o câncer de mama. Ele arrecada fundos para sua pesquisa e recruta voluntários para testes clínicos, trazendo esperança a milhares de pacientes. Ano 2008.

 

 

Lipstick: Why I Wore Lipstick to My Mastectomy
O filme conta a história de Geralyn (Sarah Chalke), uma jornalista recém casada de 27 anos que logo após conseguir o emprego dos seus sonhos descobre o câncer de mama. A produção trata o tema do câncer de forma leve, espirituosa e até engraçada. Ano 2006.

 

Laços de Ternura
A viúva Aurora (Shirley MacLaine) e sua filha Emma (Debra Winger), apesar de se amarem, têm uma relação conflituosa. Tudo muda quando a filha descobre que está com câncer e, ao mesmo tempo, descobre que foi traída pelo marido, Flap (Jeff Daniels). Simultaneamente sua mãe, após anos de solidão, passa a se interessar por Garrett Breedlove (Jack Nicholson), um vizinho paquerador. Ano 1983.

 

MA MA
Magda (Penélope Cruz) é diagnosticada com câncer de mama e logo depois descobre estar grávida. Ela enfrenta essa difícil situação de maneira resplandecente e otimista com o apoio de seu companheiro e do filho, acreditando no poder de cura da menina que carrega no ventre. Ano 2016.

 

 

Unidas pela Vida
Quando Annie Parker (Samantha Morton) descobre que está com câncer, mesma doença que provocou a morte de sua mãe e de sua irmã, ela perde o controle, e sua vida se torna um caos. Decidida a não desistir, ela conta com a ajuda de uma pesquisadora que está tentando provar que o câncer pode ser genético. Ano 2013.

 

 

Fica o alerta para a prevenção. Faça o exame anual, cuide-se. 

Qual filme da lista acima é o mais emocionante na sua opinião? Envie um e-mail para cinema@acontecendoaqui.com.br ou comente nas minhas redes sociais @jessielodi.

Sua sugestão de pauta é sempre bem vinda.

Até a próxima semana.

 

DROPS

A 3ª Cine Mostra Unisul - CINEMOU começou! 

CINEMOU é um evento criado pelos estudantes de Cinema e Audiovisual da Unisul no ano de 2017. O festival tem como propósito divulgar o audiovisual em meio universitário, como uma forma de reconhecer o Cinema expoente que vem sendo feito por todo o país.

Gratuito e online (devido ao COVID-19), nos dias 22, 23 e 24 de Outubro.

Para conferir toda a programação acesse o site cinemostraunisul.wixsite.com/cinemou  

Instagram: https://instagram.com/cinemouu?igshid=10kr04sf0l1qo

Coluna Cinema

  • imagem de cinema
    COLUNA CINEMA é produzida e publicada semanalmente.pela publicitária Jessie Lodi. Jessie Lodi é formada em Comunicação Social - Publicidade e Propaganda pela FAG, especialista em Assessoria de Comunicação e Marketing e Gestão de Negócios. Possui experiência com produção de vídeos, produção de eventos, gestão de contas em agências de comunicação e marketing de associações. Atua no mercado paranaense e catarinense desde 2002 e é apaixonada por cinema. Curta o instagram @jessielodi Para comunicação com a coluna usar cinema@acontecendoaqui.com.br

Notícias Relacionadas