Coluna Cinema | Grandes Filmes Musicais da História do Cinema Parte II

03 de Abril de 2020

New York, New York, The Beach Boys e Johny & June

Fico muito feliz quando recebo um e-mail com sugestões para a coluna e em fevereiro o leitor Carlos Stegemann ao responder sobre os filmes musicais, contribuiu com algumas sugestões. Ao longo da história do cinema grandes e premiados musicais trazem reflexões sobre o modo como a cultura da sociedade em sua época de produção “enxerga” o amor, a liberdade, a pobreza, a luxúria, o crime, etc. Grandes atores como John Travolta, Joaquin Phoenix, Reese Witherspoon, James Stewart, June Allyson, Liza Minnelli, Robert De Niro, Frank Sinatra e outros grandes nomes estrelam as produções.

Confira abaixo mais uma seleção de grandes musicais para sua diversão na quarentena:

Cabaret: Na Berlim de 1933, uma cantora americana se transforma em atração no Kit Kat Club. Sua vida, carreira e amores se desenvolvem paralelamente à ascensão do nazismo, enquanto ela se envolve ao mesmo tempo com um professor de inglês e um nobre alemão. Ano 1972.

Embalos de Sábado a Noite: Levando uma vida tranquila e ainda morando com os pais, Tony trabalha em uma loja de tintas no Brooklyn. Nos fins de semana, ele se veste bem e vai com amigos à discoteca, onde se inscreve em concurso de danças prestes a começar. Ano 1977.

Johny & June: O filme mostra ascensão do famoso cantor Johnny Cash, uma lenda da música country. Cash foi um garoto criado em um sítio e vivia com o descaso de seu pai. Com o passar dos anos, ele vai com sua esposa para Memphis, no Tennessee, onde começa a gravar. Durante uma turnê, Cash conhece o amor de sua vida, a cantora June Carter, mas seu estilo de vida volátil ameaça separá-los. Ano 2005.

Música & Lágrimas: O filme é a cinebiografia do famoso artista Glenn Miller. Nos anos 30, ele entra nos negócios musicais e enfrenta algumas dificuldades iniciais como o fracasso de sua primeira banda de estrada. No entanto, ele não desiste e mais tarde casa-se com Helen Burger, que o acompanhará na sua trilha para o sucesso. Ano 1953.

Trailer: http://www.adorocinema.com/filmes/filme-26410/trailer-19539503/

New York, New York: Um saxofonista e uma cantora se conhecem no final da Segunda Guerra, começam a se apresentar juntos e se apaixonam, mas a relação volátil se desintegra com o passar do tempo. Anos depois, com carreiras já estabelecidas, os dois se reencontram. Ano 1977.

 

Onze Homens e um Segredo: Onze homens assaltam cassinos de Las Vegas, liderados por Danny Ocean. Depois de um crime realizado na noite de ano novo, um deles morre do coração e os outros escondem todo dinheiro roubado no caixão, mas se decepcionam quando descobrem que o caixão foi cremado. Ano 1960.

The Beach Boys: No final dos anos 60, Brian Wilson, fundador dos "Beach Boys", produz o álbum "Pet Sounds" e começa a perder o contato com a realidade. Ele passa a se tratar com o polêmico Dr. Eugene Landy, e encontra a salvação quando conhece sua esposa, Melinda Ledbetter. Ano 2014.

Lembrando que devido às restrições relativas às medidas de segurança sanitárias para evitar aglomerações as salas de cinemas em todo o Brasil permanecem fechadas e as estreias para o mês de abril estão adiadas. #ficaemcasa.

O que você acha de musicais? Envie um e-mail com sua sugestão de pauta para cinema@acontecendoaqui.com.br ou comente em nossas redes sociais a sua opinião. @jessielodi @acontecendoaqui

DROPS:

Maior festival de cinema LGBTI+ de Santa Catarina abre processo seletivo de filmes para edição de 2020: 

Importante vitrine nacional para a divulgação e fomento de conteúdos audiovisuais LGBTI+, a Transforma – Festival de Cinema da Diversidade de Santa Catarina, está com as inscrições abertas para a sua terceira edição, que acontece em Florianópolis, no Centro Integrado de Cultura (CIC), em data a ser definida em breve. Para integrar a seleção especial de filmes do evento é necessário preencher um formulário cadastral até o dia 5 de abril, através do site: www.festivaltransforma.com.br.

Coluna Cinema

  • imagem de cinema
    COLUNA CINEMA é produzida e publicada semanalmente.pela publicitária Jessie Lodi. Para comunicação com a coluna usar cinema@acontecendoaqui.com.br