Coluna Ana Lavratti: Entrevista com Lair Leoni Bernardoni

28 de Fevereiro de 2019

Com obras no The Imagem Bank e Musée de la Photographie, Lair Bernardoni lança Rotas Lairianas

Rotas Lairianas: fotógrafa internacional dedica quarto livro às memórias de viagens

Quando todas as minhas amigas faziam álbuns em estúdio pra comemorar os 15 anos, meu pai me deu de presente um book de sonhos. A oportunidade de ser uma das personagens etéreas e eternas nas telas de Lair Bernardoni. Porque suas fotos são muito mais do que instantes perenizados. São criações sublimes como a mais convincente cena de um filme. Àquelas alturas, a fotógrafa que descobriu a vocação de forma tão tardia, já pelos 40 anos, começava a ganhar visibilidade, sem jamais desconfiar quão rápido ganharia o mundo e quão longe iria nossa amizade, com Lair e Cléo, como padrinhos, abençoando meu casamento.

 

Com inúmeras obras estampadas em campanhas publicitárias, capas de livros, quadros lindamente emoldurados... em exposições individuais em endereços nobres mundo afora, de Atenas a Paris, de Roma a Washington... em acervos consagrados, como o The Image Bank, que é o banco mundial de imagens, e o Musée Français de la Photographie, que integra o rol de museus do Louvre, Lair Bernardoni lança nesta quinta-feira, em Balneário Camboriú, seu quarto livro.

 

A maturidade e intensidade inerentes aos 80 anos imprime a “Rotas Lairianas” todo o potencial artístico da autora de “Girassol giralua”, “Pinceladas de luz” e “Asas azuis poema alado”, somando lembranças de viagens e as imagens que só um coração exacerbado consegue captar. Eleita por Lindolf Bell para conciliar fotografia e poesia em projetos pioneiros, que antecedendo a era multimídia já ilustravam adesivos, camisetas e papéis de carta, Lair reproduz nesta obra outra parceria de sucesso: com o professor Pasquale Neto.

 

Mãe da fotógrafa Genevieve Bernardoni e do videomaker Michelângelo Bernardoni, que já entrevistei também, Lair fala dos momentos difíceis ao perder o marido após 60 anos em lua-de-mel e das memórias de quase 50 países traduzidas em prosa poética. Para assistir ao resumo da nossa conversa gravada onde ela vive, no 38º andar, com nossa total empatia emergindo até mesmo no figurino de bolinhas, é só soltar o play:

 

A sessão de autógrafos de Rotas Lairianas é nesta quinta, 28 de fevereiro, a partir das 20h no espaço Compartilhe Livros do Balneário Shopping. 

 

 

Livro de luxo Asas Azuis, Poema Alado
Livro de luxo Asas Azuis, Poema Alado

Ana Lavratti

  • imagem de lavratti
    Ana Lavratti é Jornalista e Mestra pela UFSC com pesquisa sobre a Notícia em Meio Digital Online. Multiplataforma, acumula experiência em mídia impressa, eletrônica e assessoria de comunicação. Também é escritora, autora de cinco livros e 3 e-books, e atua como colunista social desde 2014. www.analavratti.com.br / social@analavratti.com.br Curta o Instagram @analavratti

Notícias Relacionadas