Coluna Alisson Barcelos | Na pior fase da pandemia, enfim, a liberação dos eventos!

21 de Dezembro de 2020

E ainda: participe da Rifa do Bem, que vai ajudar profissionais do setor em situação de vulnerabilidade por causa da pandemia

A partir desta segunda-feira (21), passam a valer as novas regras que liberam a realização de eventos em Santa Catarina. Foto: banco de imagens

 

A publicação do decreto que autoriza parcialmente a retomada dos eventos em Santa Catarina, no último dia 18 de dezembro, exatos nove meses após o início da pandemia, trouxe alento ao setor, mas também um questionamento: logo agora, quando se inicia a temporada de verão e que a cidade experimenta a pior fase da pandemia e que se aproxima da falta de leitos? 

Não podemos deixar de considerar que quando os níveis de contaminação estavam mais baixos não podíamos trabalhar em eventos presenciais. E agora, com tudo o que se apresenta diariamente, com a situação piorando, pode? 

É irresponsável deixar tanta gente à mercê de pessoas que desconhecem o setor, suas formas de trabalho e sua capacidade de adaptação às regras sanitárias - como qualquer outra empresa.

Dito isso, vamos às permissões e proibições contidas no decreto, que passa a vigorar a partir desta segunda (21) - lembrando também que o Estado segue com a bandeira vermelha (risco potencial gravíssimo de contaminação), com exceção da região de Xanxerê, cuja bandeira é laranja e simboliza risco grave. Além disso, todas as regras para a prevenção da contaminação (uso de máscaras, álcool gel, distanciamento social etc.) devem ser seguidas em todas as fases de liberação:  

 

Congressos, feiras e exposições

  • autorizados com 30% de ocupação no nível gravíssimo (bandeira vermelha);

  • autorizadas com 50% de ocupação no risco grave (bandeira laranja);

  • autorizados com 75% de ocupação no risco alto (bandeira amarela);

  • autorizadas com ocupação integral no risco moderado (bandeira azul).

 

Eventos sociais (restritos a convidados sem cobrança de ingresso: casamentos, aniversários, jantares, confraternizações, bodas, formaturas, batizados, festas infantis e afins)

  • autorizados com 30% de ocupação no nível gravíssimo (bandeira vermelha);

  • autorizadas com 50% de ocupação no risco grave (bandeira laranja);

  • autorizados com 75% de ocupação no risco alto (bandeira amarela);

  • autorizadas com ocupação integral no risco moderado (bandeira azul).

 

Casas noturnas

  • proibidas no nível gravíssimo (bandeira vermelha);

  • autorizadas com 20% de ocupação no risco grave (bandeira laranja);

  • autorizados com 50% de ocupação no risco alto (bandeira amarela);

  • autorizadas com ocupação integral no risco moderado (bandeira azul).

 

Cinemas e teatros

  • autorizados com 30% de ocupação no nível gravíssimo (bandeira vermelha);

  • autorizadas com 50% de ocupação no risco grave (bandeira laranja);

  • autorizados com 75% de ocupação no risco alto (bandeira amarela);

  • autorizadas com ocupação integral no risco moderado (bandeira azul).

 

Museus

  • autorizados com 50% de ocupação no nível gravíssimo (bandeira vermelha);

  • autorizadas com 75% de ocupação no risco grave (bandeira laranja);

  • autorizadas com ocupação integral nos riscos alto (bandeira amarela) e moderado (bandeira azul).

 

Competições esportivas

  • permitidas em todos os níveis de risco, sem acesso de público.

 

Parques aquáticos e complexos de águas termais

  • autorizados com 50% de ocupação no nível gravíssimo (bandeira vermelha);

  • autorizadas com 75% de ocupação no risco grave (bandeira laranja);

  • autorizadas com ocupação integral nos riscos alto (bandeira amarela) e moderado (bandeira azul).

 

Igrejas e templos religiosos

  • autorizados com 30% de ocupação no nível gravíssimo (bandeira vermelha);

  • autorizadas com 50% de ocupação no risco grave (bandeira laranja);

  • autorizados com 75% de ocupação no risco alto (bandeira amarela);

  • autorizadas com ocupação integral no risco moderado (bandeira azul).

 

Rifa do Bem - pelos profissionais do setor 


Foto: Divugação OTIMISZE-SE, SB+ Eventos

 

Nestes dias que antecedem o Natal, o projeto OTIMISZE-SE  faz mais uma ação para proporcionar que os festejos de fim de ano sejam um pouco mais tranquilos aos profissionais da cadeia de eventos, impossibilitados de trabalhar desde março e que ainda encontram-se em situação vulnerável e instável.

Em parceria com o artista plástico florianopolitano Tolentino, que traduz em suas obras as belezas na nossa região, entre elas os pescadores, as rendeiras, e o tradicional boi-de-mamão, O OTIMISZE-SE criou a “Rifa do Bem”, que irá entregar a tela “O Circo Chegou”, de 90cm x 80 cm, ao ganhador. Os bilhetes custam R$ 10 e podem ser adquiridos neste link

Toda a renda arrecadada com a “Rifa do Bem” irá beneficiar os profissionais do setor de eventos. O sorteio será realizado no próximo dia 23 de dezembro, às 18 horas. A “Rifa do Bem” é mais uma ação da SB+ Eventos com apoio da Balaio de Produções e Zero Problema Produções. O projeto OTIMISZE-SE recebeu o Prêmio Empresa Cidadã 2020 ADVB/SC na categoria “Ações de combate à pandemia”.

 

ProWine São Paulo 2021 confirma data

Evento exclusivo para os profissionais e um dos maiores do mercado de vinhas, a ProWine São Paulo anuncia a data de realização: ocorrerá de 5 a 7 de outubro de 2021, no Transamerica Expo Center. 

A feira deve receber mais de 4 mil espectadores e apresentará ao público 350 marcas de vinhos e destilados de 15 países expositores. As inscrições são exclusivas para os profissionais do setor, são gratuitas e podem ser feitas neste link.

 

Rock in Rio venderá ingressos a partir de março

Está marcado para o dia 9 de março de 2021, somente online, o início das vendas dos ingressos antecipados para o Rock in Rio. O maior evento de rock do País está marcado para os dias 24, 25, 26 e 30 de setembro e 1º, 2 e 3 de outubro, na Cidade do Rock, no Rio de Janeiro.

A edição do próximo ano já confirmou bandas como Iron Maden, Dream Theater, Megadeth e Sepultura.

 

Feliz Natal

Depois de um ano intenso e cheio de incertezas em relação a tudo - vida, saúde, doença, morte, trabalho, relacionamentos - nos aproximamos das festividades de Natal e de Ano Novo com a certeza de que realmente somos capazes de nos remodelarmos e de nos adaptarmos a qualquer obtáculo que a vida nos impuser. Que possamos, ao encontrar o lado bom de tudo de ruim que nos marcou em 2020, ser mais empáticos e pensarmos no bem de cada um. Feliz Natal.

 

Quer sugerir algum tema para a nossa coluna? Entre em contato pelo e-mail: alisson@sousb.com.br.

Alisson Barcelos

  • imagem de alisson
    Alisson Barcelos Formado em Comunicação Social com habilitação em Publicidade e Propaganda com mais de 25 anos de experiência no mercado de eventos. É cofundador da SB+ Eventos, empresa referência em produção de eventos em Santa Catarina e diretor de Eventos Especiais e Confrarias da ADVB/SC. No Portal Acontecendo Aqui, vai falar sobre o que mais entende e ama fazer: eventos, logicamente.

Notícias Relacionadas