Ana Lavratti entrevista Ana Paula Calaes, da ETG e Gera Emprego

03 de Maio de 2021

A caminho do Dia das Mães, eu entrevisto quem educa duplamente: como mãe e empresária da Educação

Ana Paula Calaes: sucesso duplo, na Escola Técnica Geração e no Gera Emprego

 

Dando continuidade à série de entrevistas com as empreendedoras biografadas no meu livro, VOCÊ MULHER AINDA MELHOR, nesta semana vou compartilhar as conversas gravadas com duas personagens que exercem duplamente a missão de Educar: como mães e como pedagogas. A Lorena Nolasco criou o espaço psicopedagógico Sotopi e a Ana Paula Calaes fundou a Escola Técnica Geração e o Gera Emprego, denotando desde cedo a liderança que faz seus negócios serem referência na educação técnica brasileira. Abaixo, conheça melhor a trajetória de quem adiou a maternidade em nome do trabalho, e que hoje dá um exemplo conciliando as duas funções: como mãe do Lucca e profissional de alta performance.

 

Ao deixar a faculdade aos 22 anos, Ana Paula Calaes já conhecia em detalhes mais do que a vocação. Sabia a real missão: catalisar uma transformação social por meio da Educação. Com a experiência de quem conciliava a Pedagogia na UFSC com dois empregos, a educação infantil e o ensino técnico, Ana Paula encomendou um estudo financeiro para definir qual área concentrava mais chances de crescer.

 

Decidida a investir no ensino técnico, passou a viabilizar a própria empresa antes mesmo da formatura. No último ano da Pedagogia, convidou dois profissionais que admirava, a diretora Célia Zeni e o professor Marcelo da Costa Gonçalves, compondo com eles 50% da sociedade. O passo seguinte foi oferecer a outra metade do negócio a um grupo com expertise na área: o Colégio Geração, com sua gestão distribuída entre nove sócios veteranos. Nascia assim a Escola Técnica Geração, que gradualmente ocuparia nove andares do prédio onde estreou.

 

Comprometida a ponto de assumir os mais distintos papeis, centrando no trabalho o organograma da sua vida, Ana Paula buscou formações adicionais para potencializar a liderança que já era sua marca. Após os cursos de Recursos Humanos e MBA em Administração, ingressou num grupo de psicodinâmicas para pessoas de negócios com impacto dentro e fora da Escola, o curso Grupo Dirigido, ultrapassando a condição de chefe para a de mentora de um grande time, ampliado com o tempo para 200 colaboradores.

   

Com confiança acumulada desde a inauguração da Escola, quando conquistou 120 alunos em apenas três meses, Ana Paula repetiu a façanha quatro anos mais tarde, abrindo uma unidade em Itajaí onde detinha metade da sociedade. E praticamente 100% do compromisso. À medida que a demanda crescia e as matrículas se acumulavam, o sucesso suscitava outra angústia: onde abrigar tantos alunos? Decidida a encontrar uma solução em tempo recorde, Ana Paula conquistou a parceria do Sistema Unificado, usufruindo durante a noite das instalações que o colégio utilizava durante o dia.

 

Ao acomodar cerca de 200 alunos no espaço alugado, conquistou fôlego extra para investir na ampla sede da Escola Técnica Geração em Itajaí, com 15 salas de aula. Aos 33 anos, o próximo passo era igualmente certeiro e ambicioso: assumir uma dívida de muitos dígitos, adquirindo 50% do negócio em Florianópolis, sem jamais poder prever a perda do sócio remanescente. Colega desde os tempos de estágio e sócio desde o início da Escola, Marcelo faleceu precocemente, vítima de leucemia. Em pleno luto, coube a Ana Paula definir a estratégia para resguardar a família do amigo, adquirindo a parte que lhe cabia na sociedade.

 

Absorvendo as melhores oportunidades, Ana Paula adaptou seu negócio para oferecer cursos técnicos gratuitamente com recursos do Pronatec, como única escola habilitada em Santa Catarina; para atrair alunos que usufruem do primeiro emprego como Jovem Aprendiz, para a oferta de Cursos a Distância, e para potencializar a formação de mais de 14 mil alunos, criando uma empresa paralela: a Gera Emprego, voltada para seleção e treinamento dos Recursos Humanos.

 

Casada com Marcos Luiz Marchezan, mãe do Lucca, hoje com 7 anos, Ana Paula alcançou em 2020 a recompensa pelas milhares de vidas que impactou: ver o negócio que criou crescer em nível macro, com um Fundo de Investimento coordenando a abertura de capital da Escola Técnica Geração na Bolsa de Valores, atraindo muito mais recursos, consolidando a inauguração de novas unidades e a mudança da sede para novo endereço, com oito andares, piso solo e subsolo e uma vitrine de 300 m2 que denota a potência das oportunidades para preparar e transformar uma geração de brasileiros.

 

Na sessão de lançamento do livro, no Dia da Mulher no Sebrae-SC, eu conversei com a Ana Paula sobre as raízes do seu espírito empreendedor e os legados que a pandemia nos deixa:

 

 


 

 

 

Quer saber onde encontrar o livro mais próximo de você? Acesse www.analavratti.com.br

ENTREVISTA: Gravação e edição da Canal 3 / TV Sebrae

FOTOS: Gabriela Müller

 

   

 

 

Ana Paula Calaes e Marcos Marchezan, ambos de pé
Com o marido, Marcos Marchezan

Ana Lavratti

  • imagem de lavratti
    Ana Lavratti é Jornalista e Mestra pela UFSC com pesquisa sobre a Notícia em Meio Digital Online. Acumula experiência em mídia impressa, eletrônica e assessoria de comunicação. Também é escritora, autora de 6 livros e 4 e-books, e atua como colunista social desde 2014. www.analavratti.com.br / social@analavratti.com.br Curta o Instagram @analavratti

Notícias Relacionadas