Cannes Lions 2020 | Entrevista com Luiz Sanches da Almap BBDO

26 de Junho de 2020

Diretor do Festival conversou com o brasileiro sobre a categoria Outdoor Lions

A vídeo conferência foi conduzida por Simon Cook, diretor do Cannes Lions Festival, que começou perguntando ao Luiz, como presidente do Jury de Outdoor, como ele realiza o briefing com os membros do jury, sobre os critérios do jury e como eles estão se adaptando para o próximo ano.

Luiz Sanches responde afirmando que neste momento "nós estamos sentindo falta de conexões humanas, e isso é uma grande oportunidade para a categoria de Outdoor que é uma categoria viva, que pode levar uma plataforma local a um nível global". Sanches acredita que as marcas devem retornar às bases. Ele afirma que sempre diz aos membros do jury que procurem por uma forma de criatividade que inspire as pessoas e incite uma troca de ideias.

Simon Cook continua fazendo a questão: Em alguns países, durante o lockdown, várias limitações foram impostas nos espaços públicos e na locomoção da população, como isso afetou a produção dos trabalhos na categoria.

O criativo brasileiro disse que durante o lockdown muitas pessoas foram impedidas de viajar, e isso impossibilitou também que as ideias circulassem. Ele afirma que este momento foi muito importante para as marcas abraçarem a cultura local. Ele cita o exemplo da Itália e as imagens das pessoas deitadas nas varandas que circularam por toda a parte.

Simon questiona Luiz sobre o que ele acredita ser as preocupações das premiações das próximas edições do Festival, levando em conta essa preocupação com as conexões humanas e emocionais que estamos desenvolvendo.

Luiz Sanches comentou sobre a postura da Nike que é um exemplo perfeito de algo que acontece em um país, mas dispara um efeito global. Ele afirma que Nike decidiu encarar os problemas de frente e buscar soluções que engajassem o público.

Simon e Luiz comentam a primeira peça: Fearless girl, que tratou a questão dos gêneros de maneira única. Reveja o video a seguir

 

Fearless girl ganhou múltiplos prêmios no Cannes Lions 2017, se tornando um fenômeno de mídia e um ícone da batalha das mulheres.

Simon pergunta para Luiz, ao olhar para trás, 1 ou 2 anos, qual lição ele pode tirar e qual dica ele pode dar. Luiz responde dizendo que ele acredita que mais do que nunca o propósito das marcas é muito importante, pois as pessoas confiam e acreditam nas marcas, e nós estamos vivendo um momento único na história da humanidade.

Simon rebate afirmando que a pandemia com certeza aumentou a importância do propósito, mas que ele tem visto um aumento nas produções irreverentes e com humor, pois em um momento de dificuldade e muita tristeza, o público precisa dessa alegria. Ele pergunta para Luiz se isso também é algo que ele começou a ver e se ele tem  exemplos de campanhas que utilizaram esse humor.

Sanches disse que, com certeza, neste momento nós precisamos de mensagens positivas, que nos façam sorrir, e que nós devemos espalhar, com o tom correto, mais humor e iniciar assim também uma conversa. Luiz cita o exemplo da Brewtroleum, que foi um exemplo de uma campanha que utilizou o humor para iniciar uma conversa, e também fazer as pessoas sorrirem.

O case pode ser visto a seguir

Notícias Relacionadas