Cannes 2019 | Rafael Donato, Vice-Presidente da DAVID São Paulo

14 de Junho de 2019

Ele será jurado na Categoria DIRECT

Rafael, natural do Rio de Janeiro, iniciou sua carreira publicitária em Londres em 2004. Trabalhou por 2 anos na Gray London como diretor de arte e depois trabalhou como freelancer em várias agências. Em 2008, Rafael foi chamado para integrar a equipe da Ogilvy Brasil em São Paulo, desta vez como redator. Em 2016, Rafael assumiu o papel de vice-presidente de criação da DAVID São Paulo e desde então trabalha com clientes como Burger King, Coca-Cola e Nestlé. DAVID SP foi a 3ª mais premiada agência brasileira em Cannes 2018. Rafael venceu em Cannes várias vezes, incluindo um Leão de Bronze, um Leão de Prata em Branded Content, um Leão de Ouro em Mobile e mais recentemente 7 Lions coma campanha "This Coke is a Fanta" (2018) da Coca-Cola.
 

Qual é a sensação em fazer parte da equipe de jurados do Cannes Lions 2019?

Cannes é a Copa do Mundo da propaganda. E agora que sou jurado, me sinto como um jogador convocado. Espero poder fazer minha parte e representar o nosso pais e nossa industria. 

Qual é o aprendizado ou troca de experiências que você imagina ter lá com criativos de diversos cantos do mundo?

Cada país tem suas curiosidades, suas relevancias culturais. Vai ser interessante ver como essas nuancias traduzem em criatividade, principalmente nos cases vencedores. 

O Festival passou por uma grande reformulação nas 3 últimas edições. O que você poderia citar sobre essas mudanças e o que será avaliado em DIRECT, Categoria que você vai julgar?

Acredito que teremos mais enfase em uso de tecnologia, assim como resultados relevantes. Tambem vejo uma tendencia do festival para premiar mais as grandes marcas e menos as ONGs, que era mais comum
no passado.

Cite um grande trabalho da sua agência que vai concorrer Cannes neste ano.

Burn That Ad, para Burger King é a nossa grande aposta.

O que é mais importante em Cannes? Ganhar um leão, palestras, conhecer pessoas?

Hahahaha... o Leão, claro. Nada se compara em ver o seu case no telão do Palais, chamarem o seu nome e da sua agência, e subir no palco para levantar aquele troféu. Naquele momento, você se sente no topo do
mundo.

Por que o Brasil valoriza tanto Cannes? Um dos países com maior número de inscrições, visitantes e leões.

Somos um povo muito competitivo por natureza. E na propaganda mundial estamos sempre em desvantagem em relação aos Anglo-Saxões, em termos de exposição, budgets, qualidade de produção. Por isso ganhar em Cannes é superar tudo isso. É a vitoria do underdog.

 

O que não falta na sua bagagem para Cannes?

Minha pochete rosa. Carrego ela há 8 anos e ela sempre me dá sorte! E claro, uma bermuda de banho tambem, porque nao dá para não cair no mar né?