CANNES 18 - Entrevista com Giovanni Vannucchi, sócio da Oz Estratégia + Design e jurado da Categoria DESIGN

07 de Junho de 2018

Designer e arquiteto, sócio de Oz Estratégia + Design, onde  vem desenvolvendo projetos para clientes como Kimberly Clark, Bonduelle e Danúbio entre outros.Conferencista e jurado em diversos eventos nacionais e internacionais. É representante do Brasil, no Conselho Consultivo da Bienal Iberoamericana de Diseño, Madrid.

 

 

Qual é a sensação em fazer parte da equipe de jurados do Cannes Lions 2018?

Essa indicação como jurado sinaliza um reconhecimento de minha carreira profissional, e fico muito feliz com isso. É ao mesmo tempo uma grande responsabilidade uma vez que estou representando o Brasil nessa categoria 
 

Qual é o aprendizado ou troca de experiências que você imagina ter lá com criativos de diversos cantos do mundo?

Essa com certeza é o melhor de fazer parte de um juri. Alguns dos juris de design dos quais tenho participado são exclusivamente on line e dessa forma acabamos perdendo essa oportunidade única de compartilhar experiências e conhecimento com profissionais altamente qualificados e que, além do mais, trazem visões de várias partes do mundo. Essa diversidade é muito rica

O Festival passou por uma grande reformulação para esta edição. O que você poderia citar sobre essas mudanças e o que será avaliado em Design,  Categoria que você vai julgar?

O Festival vem mudando repetidamente e isto é absolutamente coerente com todas as mudanças que a sociedade e o mundo da comunicação vem sentindo continuamente. Novas categorias foram introduzidas assim como outras foram abandonadas ou reformuladas, justamente para se adequar a estas novas formas de se comunicar. Dentro da categoria de Design temos várias sub categorias o que demonstra a abrangência cada vez maior que o design tem assumido para as empresas e para a sociedade. E o que será avaliado é o impacto positivo que determinado projeto de design vai ter para as marcas e socialmente. Sempre com um altissimo grau de execução: uma excelente idéia, inovadora,  com solução impecável.

 
Cite um grande trabalho da sua empresa que vai concorrer em Cannes neste ano.

Como vou participar como jurado a Oz acabou não enviando nenhum trabalho
 

O que é mais importante em Cannes? Ganhar um leão, palestras, conhecer pessoas?

Eu acho que justamente a força de Cannes está no conjunto dessas três coisas. Por todo rigoroso processo de avaliação e premiação, levar um Leão para casa tem realmente um grande mérito. Ao mesmo tempo o conteúdo das palestras é muito rico pois não se restringe ao mundo da comunicação trazendo conferencistas dos mais diversos campos de atuação. E o networking é muito forte pois você tem a oportunidade de encontrar profissionais de várias partes do mundo e com significativa atuação em seus países de origem.
 

Por que o Brasil valoriza tanto Cannes? Já que é um dos países com maior número de inscrições e também visitantes.

A publicidade brasileira tem sido há muito tempo uma das melhores do mundo. Muito deste reconhecimento vem de Cannes, sem dúvida o principal prêmio dessa área profissional, portanto faz todo sentido essa presença maciça de brasileiros. Além dos motivos citados acima: leões, conteúdo e networking.
 

O que não falta na sua bagagem para Cannes?

Com certeza muita energia e entusiasmo. Vamos passar mais de 10 horas por dia, durante vários dias, julgando milhares de peças. Um esforço recompensado pela oportunidade única de ver os melhores trabalhos que as agências tem produzido recentemente.