Startup catarinense lança aplicativo e se posiciona em definitivo no mercado brasileiro das fintechs

08 de Agosto de 2017

As fintechs brasileiras estão cada vez mais marcando presença no mundo digital. E a catarinense SD Bank anuncia oficialmente sua chegada no universo das fintechs - startups que oferta sistemas para facilitar a gestão financeira de pessoas e empresas, que revolucionaram este modelo de negócio no Brasil nos últimos três anos. Para se ter ideia do volume financeiro, só no último ano, dados da FintechLab apontam um crescimento de 87%.

Há cerca de um ano, a SD Bank vinha estruturando seu aplicativo. E a partir desta terça-feira, dia 8 de agosto, usuários de smartphones Android e iOS poderão baixar o app e conhecer uma inovação no formato de pagamento pré-datado, um dos negócios da startup. A solução - inédita no mundo - propõe um pagamento revolucionário, que servirá especialmente para os estabelecimentos que já usam outras opções de venda a prazo.

“O pagamento pré-datado tem sido muito utilizado em estabelecimentos que desejam atingir um público carente de serviços financeiros e de crédito, conhecidos como desbancarizados. Essas pessoas não têm cartão nem cheque, e a única forma que os estabelecimentos têm para vender a prazo é o conhecido fiado e/ou crediário. Estima-se que aproximadamente 55 milhões de brasileiros economicamente ativo estão desbancarizados”, destaca Adriano Silveira, CEO da SD Bank.

Como vai funcionar?

O SD Cheque foi idealizado para facilitar a gestão de recebíveis e tornar mais seguro e simples as operações de pagamento pré-datado. E o cheque digital pode substituir o fiado e crediários aumentando ainda mais os benefícios, principalmente, para os estabelecimentos.

Diferente dos serviços bancários tradicionais, o SD Cheque não possui taxas. Todas as transações serão realizadas através do aplicativo SD Bank, o que irá garantir mais segurança, agilidade, comodidade e empoderamento financeiro.