Empresa de segurança alerta sobre golpes relacionados ao coronavírus

20 de Março de 2020

Grupos estão se passando por agentes do governo e por profissionais de saúde com a suposta realização de testes para detecção do novo coronavírus

A Associação Brasileira das Empresas de Sistemas Eletrônicos de Segurança (Abese) alerta, através do seu Comitê de Síndicos, aos condomínios de todo o país, que quadrilhas estão se passando por agentes do governo e por profissionais de hospitais e laboratórios, com a suposta realização de testes para detecção do novo coronavírus.

Para impedir que esses grupos entrem nos condomínios, serviços como portarias remotas podem ser aplicados, onde a entrada e saída de visitantes são controladas por uma central, que possuem procedimentos mais rígidos e coíbem esse tipo de ação.

Câmeras de reconhecimento facial também contribuem com a segurança dos moradores e com a saúde dos profissionais de condomínios neste momento de isolamento social. Esta tecnologia já prevê em seus analíticos obstruções como máscaras, óculos, bonés, entre outros itens que podem disfarçar e os valores estão cada vez mais acessíveis.