Hashtag: Qual a melhor forma de utilizar essa ferramenta?

22 de Agosto de 2017

Resultados Digitais explica o que fazer para obter melhores resultados com o famoso #jogo da velha

Hashtag, termo muito utilizado nos tempos atuais e que faz muita diferença na forma de comunicar algo. A Resultados Digitais, empresa especializada em Marketing Digital, escreveu um artigo sobre a melhor forma de utilizar essa ferramenta. Confira abaixo o artigo na íntegra.

Foi-se o tempo em que o # representava somente o jogo da velha dos teclados de telefone e de computador.

Depois do Twitter, o símbolo, que na verdade se chama cerquilha, tornou-se sensação mundial e ganhou um novo significado: o de hashtag.
Mas, afinal, o que são e para que servem essas palavras que as pessoas utilizam no final de posts nas redes sociais?

O que são hashtags

O dicionário Oxford — o mais importante da língua inglesa e ao qual o termo foi incorporado em 2014 — define hashtag como “uma palavra ou frase precedida por um símbolo de cerquilha (#), utilizada em sites de mídias sociais e aplicativos, especialmente no Twitter, para identificar mensagens sobre um tópico específico”.

Indo um pouco além, pode-se dizer que hashtags são termos associados a assuntos ou discussões que se deseja indexar em redes sociais como Instagram, Facebook e o já mencionado Twitter. Quando a combinação é publicada, transforma-se em um hiperlink que leva para uma página com outras publicações relacionadas ao mesmo tema.

Assim, se usuários do Instagram, por exemplo, publicam fotos com a hashtag #cachorro, todos na rede social podem encontrar conteúdos relacionados — outras imagens de cães, em geral — clicando sobre a palavra.

Como usar hashtags: boas e más práticas

Instruções de como usar hashtags podem parecer óbvias, especialmente para os mais jovens, mas mesmo um recurso tão simples tem suas boas práticas de utilização.
Se usadas com critério, as hashtags ajudam as pessoas a encontrarem a página de sua empresa mais facilmente e a engajar seu público-alvo, por exemplo.
Separamos algumas dicas, a maioria delas do que não fazer:

Não use muitas palavras juntas

#quandovocêescrevedessamaneira, dificulta a leitura dos seus seguidores. Os espaços existem na escrita por um motivo, que é o de dar fôlego à leitura, facilitando a compreensão. Quando são suprimidos, as palavras se misturam — especialmente as que iniciam e terminam em vogais — e o leitor demora para entender o que foi escrito.

Mantenha suas hashtags curtas e, se realmente precisar de mais de uma palavra, inicie cada uma com letra maiúscula, como em #ResultadosDigitais.

Não coloque uma hashtag para cada palavra da frase

Efeito oposto ao anterior, #colocar #uma #hashtag #no #início #de #cada #palavra ajuda a separar os termos, mas também prejudica a leitura, pois coloca pausas demais. Além disso, não faz sentido indexar artigos, como “a”, ou preposições, por exemplo “no”, que não dizem nada sobre sua publicação.

Separe as hashtags do seu texto, colocando-as ao final, depois de ter expressado sua ideia principal. Em alguns casos, se a palavra que você deseja utilizar como hashtag estiver no meio da frase, como em “Veja 5 dicas da #ResultadosDigitais sobre Email Marketing”, a leitura não fica tão prejudicada. Mas use sem excessos e em termos que realmente fizerem sentido.

Use hashtags relacionadas ao post

Não exagere na quantidade de hashtags! Conforme já falamos, o recurso serve como indexador, facilitando buscas de outros usuários e, por isso, não deve ser utilizado para descrever ou destacar tudo o que aparece em um texto ou imagem.

Usar o recurso em excesso dificulta a leitura do conteúdo e também pode afastar os seguidores, além de soar oportunista, como um desejo de aparecer em todas as páginas de indexação.
Da mesma forma, devem ter relação com o post — usar hashtags que não têm relação com a publicação pode irritar os usuários.

Não esqueça da ortografia

Hashtags são um recurso que deve ser informal e divertido, mas nem por isso esqueça de corrigir a ortografia do seu texto. Mais do que colocar em xeque a sua credibilidade, uma hashtag escrita de forma errada é inútil, pois não indexará seu post à página desejada.

Imagine um post no Instagram da RD com a hashtag #ResultadosDigitias. Além da grafia incorreta, o link não direcionaria para a página desejada. Não tem ninguém falando sobre a #ResultadosDigitias — mas, se houver, serão apenas alguns poucos que cometeram o mesmo equívoco.

Como utilizar hashtags na sua estratégia de Marketing Digital

Agora que você já tem uma ideia do que fazer e do que não fazer ao usar hashtags, como promover seu produto ou serviço utilizando o recurso?
Uma vez que seus perfis em redes sociais são públicos, usar hashtags torna seus posts visíveis para todos que compartilham dos mesmos interesses. Dessa forma, as publicações não ficam mais limitadas apenas aos seus seguidores. É por isso que escolher a hashtag correta pode aumentar o alcance dos seus posts nas redes sociais.

Em primeiro lugar, sua empresa deve estar presente nas redes sociais que comportam esse tipo de recurso. As mais amigáveis são Twitter, Instagram e Facebook, conforme já falamos. Feito isso, algumas dicas que podem ser úteis:

Crie hashtags para sua empresa ou evento

Usar uma hashtag específica para alguma ação de marketing da sua empresa, como promoções ou sorteios, ou para um evento pode ser uma boa maneira de engajar os seus seguidores.
Durante os eventos de Marketing Digital promovidos pela Resultados Digitais — o RD Summit e o RD on the Road — sempre incentivamos os participantes a utilizarem hashtags que criamos. A ideia é acompanhar as fotos e opiniões sobre os encontros, mas também criar uma sensação de participação e integração.

Pesquise as hashtags adequadas para cada rede social

Falamos que as hashtags servem para diversas redes sociais. Mas não é por isso que você deve replicar no Instagram ou no Twitter os termos que usa no Facebook, por exemplo.
Cada rede social tem peculiaridades e vale pesquisar quais hashtags as pessoas usam em cada site para ter uma ideia melhor do que postar. Ainda que, em alguns casos, as diferenças sejam sutis, utilizar a linguagem correta pode melhorar seus resultados.

No Twitter, por exemplo, a ideia é manter as hashtags tão curtas quanto possível, pois o limite de caracteres por publicação é de 140.

Já no Instagram, o espaço para o texto permite usar um pouco mais de hashtags. Além disso, a rede social é voltada para imagens e muitas pessoas pesquisam por hashtags nela em busca de inspiração, o que abre espaço para explorar temas mais generalistas. Hashtags que descrevem a própria foto, como #nofilter, também são comuns.

Procure hashtags com alto volume de publicações

Ok, você já sabe que não vale utilizar uma hashtag popular, tipo #tbt ou #nopainnogain, só para aparecer em uma página que é muito acessada.

Mas, dentre os temas que você pode explorar, por que não procurar os termos mais comuns?

Exceto nos casos em que a ideia é promover algo bem específico, como o #RDSummit2017, não vale a pena começar uma hashtag do zero se já existem outras com volume de publicações.

Se utilizadas com moderação, hashtags são boas aliadas da sua estratégia de Marketing Digital, pois ajudam a melhorar o alcance dos posts, a interagir com seus seguidores e a divulgar sua empresa.

E se, para além desse recurso, você deseja definir uma estratégia para sua empresa e aprender a gerar mais resultados com as redes sociais, baixe nosso eBook gratuito Introdução à Gestão de Redes Sociais.