Impulso para a indústria criativa em Santa Catarina

06 de Agosto de 2019

Florianópolis sedia o 3º Circuito Catarinense de Quadrinhos

 

Se por um lado a tecnologia avança e fortalece a indústria criativa, o estímulo à criatividade desde a infância é a outra ponta que impulsiona esse mercado que mais gera emprego e renda em todo o mundo. O Circuito Catarinense de Quadrinhos, festival de arte e cultura geek que ocorre de 10 a 18 de agosto, em Florianópolis, abre especial espaço para o fomento à educação e profissionalização do setor criativo no Estado. 

Atrações
Serão mais de 200 atividades — além de entretenimento, exposições, sessões de cinema e conversas com artistas renomados na cena geek nacional, terá oficinas em parceria como SESI / SENAI, master classes e demonstração de games desenvolvidos em SC, entre outras atrações.  Tudo gratuito.

Conforme o último relatório da Conferência das Nações Unidas Sobre Comércio e Desenvolvimento (UNCTAD), a economia Criativa (baseada em produção intelectual e que inclui setores como entretenimento, moda, esportes, desenvolvimento de softwares e jogos e produção de eventos) é uma das maiores geradoras de emprego e renda da atualidade, em torno de 30 milhões de empregos ao redor do mundo.

A economia criativa é uma das áreas mais promissoras para a geração de empregos e contribui para a transformação de diversas esferas sociais e econômicas. "Temos muito claro o nosso papel nesse contexto: fomentar o mercado fornecendo conteúdo, instigando a troca de experiências, estimulando a capacitação profissional e desenvolvimento de negócios", afirma José Mathias, idealizador do festival junto a Bruno Flesch.

Setor criativo no Brasil
O estudo recente realizado pela Programa de Desenvolvimento Industrial Catarinense (PDIC), da FIESC, corrobora com isso e destaca que o setor criativo no Brasil é composto por cerca de 239 mil empresas e responde por 2,64% do PIB (dado de 2015). A pesquisa mostra que Santa Catarina tem vocação para expandir (e muito) o setor, tendo em vista os recursos disponíveis por meio de mecanismos de fomento. Além disso, Florianópolis é líder do ranking de potencial de desenvolvimento na área entre as capitais brasileiras, conforme Índice de Desenvolvimento do Potencial da Economia Criativa (IDPEC), concebido pelo Laboratório de Economia Criativa e pelo Laboratório de Cidades Criativas da ESPM Rio.  

Santa Catarina se destaca
A área de games é um exemplo: a maior empresa de games do Brasil está sediada em Florianópolis e o Estado tem a primeiro e único curso de graduação em Design de Jogos e Entretenimento Digital, criado em 2010 pela Univali e hoje oferecido nos campus de Florianópolis e Balneário Camboriú. 
"A cada ano cresce o número de consumidores e desenvolvedores, além do mercado paralelo a cultura geek como um todo, incluindo os campeonatos milionários de games. É um mercado que gera muito dinheiro, para quem desenvolve quanto quem joga. E se antes existia tabu em relação a esse universo, inclusive por parte dos pais dos mais jovens, hoje já entende que é possível transformá-la em profissão", diz o coordenador do curso, Giorgio Gilwan da Silva.  

A Univali, aliás, é uma das parcerias do Circuito Catarinense de Quadrinhos e terá um espaço para demonstração de games desenvolvidos em SC, exposições e outras atividades no Maker Lab. 

 

Espaço de aprendizagem: games, oficinas e master classes gratuitas
Além dos games, o Circuito Catarinense de Quadrinhos promove dezenas de oficinas que promovem a imersão no mundo da economia criativa, para crianças e adultos.  Na Maker Lab, espaço de aprendizado do festival, educação se mistura ao universo dos quadrinhos em oficinas e master classes para profissionais, acadêmicos e entusiastas.

Dentre as oficinas previstas estão as de pintura digital, programação de robô LEGO, em parceria com o SESI / SENAI, quadrinhos e arte sequencial, animação e maratona de puzzles, entre outras. Já os destaques entre as master classes, ministradas por artistas consagrados na cena geek brasileira, são Do roteiro aos quadrinhos, com Carol Pimentel; e Pintura Relâmpago, com Davi Calil.

 

Sobre o Circuito Catarinense de Quadrinhos
O 3º Circuito Catarinense de Quadrinhos é um dos mais importantes festivais de arte e cultura geek de Santa Catarina. Em 2019 o evento está maior: serão nove dias de programação gratuita para todas as idades, com exposições, sessões de cinema, espaço de jogos e leitura, cosplay contest, master classes e o Hall dos Artistas – Feira dos Artistas. Com mais de 200 atividades programadas, o evento destaca-se pela agenda voltada para formação e profissionalização do setor.

O evento é patrocinado pelo município de Florianópolis e pela Fundação Cultural de Florianópolis Franklin Cascaes  por meio da Lei Municipal de Incentivo à Cultura nº 3659/91. O projeto tem o apoio cultural do Beiramar Shopping. A coordenação geral é da Marte Cultural.

3º Circuito Catarinense de Quadrinhos
> 10 a 18 de agosto de 2019
> Vão central do Beiramar Shopping (Rua Bocaiúva, 2.468, Centro, Florianópolis). Sessões de cinema ocorrem no Cine Show (Piso L4), o Papo HQ na Cervejaria UNIKA (Piso L4) 
> gratuito. Oficinas, master classes e painéis Papo HQ / Talks estão sujeitas a lotação. Ingressos devem ser retirados meia hora antes. Programação sujeita a alterações sem aviso prévio

www.facebook.com/circuitocatarinensequadrinhos 

Informações e programação completa
https://www.circuitodequadrinhos.com.br/