EY anuncia Cesar Gon, da CI&T, como Empreendedor do Ano 2020

23 de Outubro de 2019

Família Botelho, Leo Cesar de Melo e case do Carrefour sobre sustentabilidade também foram homenageados

A EY anunciou na última terça-feira, dia 22, que Cesar Gon, fundador e CEO da CI&T, é o Empreendedor do Ano 2020. O executivo, que foi destaque na categoria Master, representará o empreendedorismo nacional na etapa global do Prêmio – o EY World Entrepreneur Of The Year™ – em Monte Carlo, no Principado de Mônaco, em junho de 2020, junto aos representantes escolhidos nos mais de 50 países onde a premiação é realizada. Pela categoria Family Business, a Família Botelho, da Energisa, passa a integrar o Global Family Business Book da EY, e garante seu lugar no Family Business Forum, evento que também acontece em Mônaco, no ano que vem.

Na categoria Master, também foram homenageados: Luis Fernando Porto (Unidas), José Carlos Semenzato (SMZTO Participações em Negócios Ltda.), Ivoncy Brochmann Ioschpe (Iochpe-Maxion), Roberto Jatahy (Grupo Soma) e Fabio Sandrini (Verzani & Sandrini).

Durante o discurso de Cesar, o CEO da CI&T afirmou que empreender é uma tarefa que requer coragem, resiliência e sorte para encontrar parceiros e incentivadores ao longo do caminho. “Costumo dizer que a CI&T é o início de algo grande que eu ainda vou fazer. Isso porque quando mergulhamos nesse mar do empreendedorismo, costumamos olhar sempre para o futuro. Só tenho a agradecer a EY por esse reconhecimento e, também, a todos os colaboradores da CI&T que sonham comigo todos os dias”, celebrou Cesar Gon.

Em relação à categoria Emerging – que seleciona empreendedores em expansão e com potencial de crescimento – a EY homenageou Leo Cesar de Melo, da Allonda Ambiental. Já na categoria Sustentável, que reconhece projetos de grandes empresas com foco em sustentabilidade, a iniciativa escolhida foi do Grupo Carrefour, representado por Lucio Vicente. Ainda durante a cerimônia, o CEO do Banco Santander, Sérgio Rial, foi homenageado como executivo empreendedor.

“Assim como nas edições anteriores do Programa, os empreendedores homenageados são protagonistas de histórias motivadoras, de perseverança, planejamento e visão de mercado. Essa é a postura que deve nortear os negócios de quem quer empreender mesmo em meio a um cenário economicamente desafiador”, comentou Leonardo Donato, sócio líder de estratégia de mercados emergentes da EY para o Brasil e América do Sul em seu discurso no evento.

Realizada no Brasil desde 1998, a iniciativa tem como objetivo identificar, reconhecer e contribuir com líderes empresariais de setores e mercados distintos. Na noite de ontem, a sócia de mercados e líder dos programas Empreendedor do Ano e Winning Women Brasil, Raquel Teixeira, reforçou que o olhar para o futuro dos empreendedores colabora para a transformação - não só dos negócios - mas do País como um todo. “Apesar de terem sido reconhecidos por suas iniciativas, o mais importante é pensar no legado de transformação que cada uma das empresas está ajudando a construir e, por consequência, colaborando para uma mudança significativa em seus mercados de atuação”, ressaltou.