Produtora americana processa usuários do Popcorn Time por violação de direitos autorais

04 de Setembro de 2015

A produtora americana Survivor Productions Inc. abriu um processo contra 16 usuários anônimos do Popcorn Time, um serviço semelhante ao Netflix, mas "pirata", que oferece grauitamente filmes e séries online. O processo reivindica 750 dólares por usuário sob a alegação de violação de direitos autorais do filme Survivor, com Milla Jovovich e Pierce Brosnan.

O advogado responsável pelo caso, Carl Crowell, contou ao Ars Technica que o intuito não é arrecadar dinheiro, mas sim coibir esse tipo de violação. "O Popcorn Time existe por um único propósito: roubar conteúdo protegido por direitos autorais", garante Crowell, deixando clara a ideia de que o principal objetivo é acabar com o serviço.

Confira o processo aqui.