Coluna Ana Lavratti: Conquista se escreve com C, mas começa com...

02 de Dezembro de 2019

Quando se quer com detalhes, se projeta uma miragem, o “errado” não tem margem

Entrevista para o programa Educação e Cidadania, na Record News

 

Depois de abordar no dia 18 de novembro a importância da gestão do tempo,

tempo que feito o vento, nunca vai voltar...

e no dia 25 de novembro que há tempo pra tudo,

pra procurar e pra perder, pra plantar e pra colher...

hoje, no clima cristão de dezembro, é tempo de agradecer.

 

Obrigada, Deus.

 

O marido presente, cuidando de mim,

Eu já via assim. Antes mesmo de conhecer.

A filha explosiva, lotada de vida.

Ah, eu já via, antes mesmo de nascer.

Histórias contadas, palestras lotadas, via também.

Só não podia imaginar tantos abraços em torno.

E os livros saindo do forno?

Sim, eu via. Bem assim.

Bênçãos escorrendo sobre mim.

O trabalho sem fim?

Eu via, já sabia, então me preparei.

Pra ter força e vontade. E se cansei, não parei!

Se eu queria, então já via.

Desenhando traço a traço, aguerrida neste encalço.

Por isso o que realizo, eu reconheço desde o berço.

Se eu queria, persistia, produzia, até que um dia...

O desfecho me convence que não é sorte, mas sonho.

Quando se quer com detalhes, se projeta uma miragem,

o “errado” não tem margem.

E se a crença da sabotagem, me impedir de buscar.

É tempo de avaliar porque resisto a realizar.

Se cabe a nós desejar, a Deus, agrada dar.

 

“... todo aquele que pede, recebe. Quem busca, acha. A quem bate, abrir-se-á”.

Mateus, 7:8.

 

E se acaso o resultado não for como eu previa,

daí eu fragmento o sofrimento em fatias.

E assim vou e venço, um pouco a cada dia.

 

“...a cada dia basta o seu cuidado.”

Mateus, 6:34

 

Obrigada, Deus,

por mais um sonho concretizado, na palma da minha mão.

Lançamento da biografia “Rute Ferreira Gebler, uma vida em tom maior”, nesta terça-feira, 3 de dezembro, no Palácio Cruz e Sousa.

Obrigada aos parceiros neste projeto: Greice Keli Silva, Liliane Motta da Silveira, Guilherme Votto e Luciana Santaella Malaguti

Obrigada Mô Kotzias e Atelier Selma Silva, pelo vestido lindo que vou vestir amanhã.

Obrigada madrinha, Lair Leoni Bernardoni, pela torcida permanente.

Obrigada aos colegas de imprensa que vêm divulgando meu quinto livro: Cacau Menezes, Moacir Pereira, Maria Odete Olsen, Urbano Salles, Val Kravchychyn, Deia Sell, Fernando Henrique da Silveira, Giane Severo, De Olho na Ilha, e às equipes da Fundação Catarinense de Cultura e do jornal Notícias do Dia pela reiterada divulgação.

Obrigada, Sérgio da Costa Ramos, por me indicar, lá em 2016, pra que eu contasse uma história que merece entrar pra história.

 

Obrigada, Deus

Por não me deixar esquecer

que conquista se escreve com C,

mas sempre começa com querer.

 

Siga @analavratti também no Instagram

 

Clique nas fotos para acionar o slideshow e ampliar as imagens da Galeria.

 

 

equipe de produção do livro
equipe de produção do livro

Ana Lavratti

  • imagem de lavratti
    Ana Lavratti é Jornalista e Mestra pela UFSC com pesquisa sobre a Notícia em Meio Digital Online. Multiplataforma, acumula experiência em mídia impressa, eletrônica e assessoria de comunicação. Também é escritora, autora de 3 livros e 3 e-books, e atua como colunista social desde 2014. www.analavratti.com.br / social@analavratti.com.br Curta o Instagram @analavratti