Vencedores da Categoria MEDIA e os bastidores do julgamento pela jurada brasileira, Miriam Shirley

21 de Junho de 2017

Uma das categorias mais tradicionais do Cannes Lions Festival é a MEDIA, que nesta edição teve 95 Leões concedidos. O Brasil conquistou 5 Bronzes e o Grand Prix ficou com os EUA. A agência R|GA, de New York venceu com o case Innovating Saving, para a Jet.Com.

Bastidores
A brasileira Míriam Shirley, diretora executiva de Mídia da Publicis Brasil, foi jurada da categoria e conversou com a imprensa, fazendo um balanço do julgamento. Confira:

Mike Cooper, CEO da PHD Media e presidente do júri de Media, começou comentando que havia trabalhos de uma grande variedade de países, o que foi "um bom balanço na geografia das peças". De acordo com Mike, o conjunto dos trabalhos reflete as tendências em torno do mundo.

O trabalho ganhador do Grand Prix, possui componentes intrínsicos à natureza do negócio, em relação às mídias sociais, às ferramentas de busca e não precisou contar com um grande investimento. "Esse trabalho demonstra e reforça a proposta da marca através da mídia. Realizado de modo sustentável, foi uma das peças mais extensas do festival", disse o publicitário.

Innovation Saving (Inovação para Poupar)
A campanha da R/GA, a mando da Jet.com, ganhou o Grand Prix; Trata-se de uma campanha o varejista que teve como objetivo ajudar seus clientes a economizar dinheiro na hora de fazer suas compras. Partindo desse princípio, eles decidiram criar uma campanha que teria um baixo custo. 

SuperBowl de mentirinha
A campanha era composta de várias peças, sendo uma delas o video do Super Bowl. Como o leitor sabe, o Super Bowl é um dos maiores eventos das Américas e, na ocasião, é um tema muito procurado no Youtube. A equipe da R/GA criou um video chamado Super Bowl, que na verdade apresentava as tigelas vendidas pela Jet.com (bowl significa tigela em inglês). Os usuários do Youtube viam o video "por engano" e ele ficou nas primeiras posições para a busca do termo Super Bowl.

Outra peça foi o app que incitava os clientes a comprarem presentes mais baratos para seus familiares no Natal. Usando dados da redes sociais, os consumidores podiam saber uma opção do que seus familiares gostariam de ganhar com o menor preço.

O site registrou mais de 7 milhões de usuarios desde a veiculação da campanha. E o Jet.com é o único varejista a incitar seus clientes a gastarem menos.